10 livros que dariam um bom jogo de videogame

Revolução dos Bichos, O Pequeno Príncipe e Código da Vinci são alguns deles

Publicado em 02/03/2022 16:39
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Toda vida que sai um filme novo baseado em livro, os fãs de todas as partes do planeta vibram de empolgação e ansiedade para saber se a adaptação de seus livros preferidos irão sair tão bons quanto os originais. Mas imagina se a sua obra preferida se tornasse um game? Pensando nisso, reunimos 10 livros da Amazon que dariam um bom jogo de videogame. Confira:

O Código da Vinci – Dan Brown

Muito me surpreende que ainda não tenham criado um game baseado nas aventuras do professor Robert Langdon. O Código da Vinci poderia ser bem similar aos jogos de Tomb Raider, mas com menos ação e tiroteio, claro. Se você não conhece a história, o livro fala de um assassinato dentro do Museu do Louvre, em Paris, que traz à tona uma conspiração sinistra para revelar um segredo que ficou em sigilo por uma sociedade secreta desde os tempos de Jesus Cristo.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Compre o livro aqui

A Batalha dos Mortos – Rodrigo de Oliveira

O livro de ficção escrito pelo brasileiro Rodrigo de Oliveira, A batalha dos mortos, daria um ótimo jogo pelo seu enredo peculiar: apocalipse zumbi no interior de São Paulo. Após um imenso calor atingir o planeta, 2/3 de todas as pessoas transformam-se em mortos vivos, e é em São José dos Campos que grupos serão criados para hospedar refugiados, que tentarão sobreviver com pouca água, alimentos e outros recursos.

Compre o livro aqui

O Pequeno Príncipe – Antoine de Saint-Exupéry

Essa clássica história marcou gerações de leitores pelo mundo, e começa com um piloto que cai com seu avião no deserto do Saara. Lá, ele encontra um pequeno príncipe que o leva a uma jornada filosófica e poética, através de planetas que encerram a solidão humana. Já deu pra imaginar daqui o quão legal seria um jogo baseado nessa história, onde os jogadores poderiam escolher suas ações, impactando no final do game.

Compre o livro aqui

O Guia do Mochileiro das Galáxias – Douglas Adams

Essa série de livros escrita por Douglas Adams fez tanto sucesso que até virou filme. Mas não é pra menos, o enredo gira em torno de Arthur Dent, um humano que acaba descobrindo que seu amigo é um alienígena no mesmo dia que a Terra recebe ordem de demolição. E graças ao guia do mochileiro das galáxias, o protagonista percebe que é possível sobreviver no universo, fora da Terra. O game teria cenários intergalácticos incríveis, com muitas aventuras espaciais.

Compre o livro aqui

A Revolução dos bichos – George Orwell

Não tem como um game de ‘A Revolução dos Bichos’ não dar ao jogador, no mínimo, entretenimento. O enredo distópico desse clássico de George Orwell faz referências claras a Stálin, Trotsky e os mais diversos eventos políticos que aprendemos nas aulas de história. Dizem que é a melhor sátira escrita sobre o lado B da história moderna. Imagina um Call of Duty só que com um exército de porcos executando outros porcos nazistas?

Compre o livro aqui

Um Crime Adormecido – Agatha Christie

Lembra quando aquele joguinho do Facebook, Mobile, ‘Criminal Case’, era febre? Imagine então jogar algo da mesma forma, só que levando em conta que o assassinato aconteceu há 20 anos, o que torna bem mais difícil descobrir o assassino. Eu só poderia estar falando de um dos clássicos livros da Rainha do Crime Agatha Christie, e em Um Crime Adormecido, uma mulher retorna a uma casa antiga em que viveu quando era criança e que tem certeza de ter experienciado um assassinato.

Compre o livro aqui

Bambi, a História de Uma Vida na Floresta – Félix Salten

Nesse jogo aqui não teria nada de bombas, armas, assassinatos e etc. Se você está cansado de jogos violentos, e sente que precisa desestressar, eis que poderia surgir um game baseado na história de Bambi, que já atravessa gerações nos ensinando sobre primeiro amor, perdas, amizade e amadurecimento. Os desenvolvedores teriam que trabalhar duramente para criarem os cenários mais lindos da floresta.

Compre o livro aqui

It: A coisa – Stephen King

A gente sabe que existe vários joguinhos baseados no palhaço de It: a coisa, Pennywise, mas imagina só você poder escolher entre um dos personagens Bill, Beverly, Eddie, Ben, Richie, Mike e Stan, para fugir ou lutar contra o vilão lendário dessa obra de Stephen King? O sucesso é tão grande que já ganhou dois filmes recentemente, fora a versão antiga gravada nos anos 90. Teria coragem?

Compre o livro aqui

A Volta ao Mundo em 80 Dias – Jules Verne

Se o romance do francês Jules Verne, A volta ao mundo em 80 dias, virasse game, eu jogaria facilmente. A história da obra se passa em Londres, no ano de 1872. Um inglês chamado Phileas Fogg aposta com seus companheiros que é capaz de dar a volta ao mundo em apenas 80 dias, arriscando todo seu dinheiro, e tudo que ele leva é seu empregado recém-contratado e uma bolsa. Nesse jogo, poderíamos viajar pelo mundo sem sair de casa, além de imergir em diversas aventuras.

Compre o livro aqui

O homem X – Bruno Paes Manso

O livro reportagem Homem X nasceu a partir de entrevistas com mais de 20 assassinos de SP, além das crenças reveladas por eles. O autor Bruno Paes se concentrou em investigar os motivos para os assassinos cometerem os crimes e o perfil das vítimas. Um jogo desse livro tanto poderia tanto ser de investigação, como de guerra ou também de escolhas, como Life is Strange. Jogaria?

Compre o livro aqui

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Produtos recomendados

HD EXTERNO

Comprar

CONTROLES

Comprar

CONSOLES

Comprar

ACESSÓRIOS

Comprar

CADEIRA GAMER

Comprar

HEADSET

Comprar