Pokémon Snap: Na contramão das batalhas Pokémon

Pokémon Snap vai além de lutar batalhas e sim em fazer pesquisas e admirar os Pokémon em seus ambientes.

Publicado em 09/08/2021 11:16
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Pokémon é um dos jogos mais famosos mundialmente. Quem não conhece Pikachu e cia? Mesmo que jamais tenha jogado nada da franquia, com certeza deve ter assistido a alguma das temporadas do anime, cantado o tema de abertura ou conhecer alguém que é fã. De qualquer forma, Pokémon está para tudo que é canto, como camisas, cadernos, memes, etc.

Não é necessário contar toda a história de origem do game, já que ele é simples desde a sua criação: temos que pegar, temos que pegar, Pokémon! Fácil e objetivo. É só ter sua Pokebola, pegar algum depois de algumas batalhas entre o seu mascote e algum outro selvagem, ou para disputar um “contra” com aquele outro treinador. E isso já trouxe diversas discussões de violência.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Sim, porque sendo bem lógico, isso é rinha! Rinha, para quem desconhece, é uma disputa entre animais. As mais famosas são entre galos e cães, onde se colocam um para… matar o outro. As disputas são violentas e levam os animais a exaustão e na maioria das vezes, a sua morte. Parece radical comparar Pokémon com estas rinhas? Talvez sim, talvez não.

Podemos afirmar que Pokémon é uma animação, é fake e ninguém em sã consciência faria isso na vida real, ou seja, pegar o seu animal de estimação e fazer rinha. Será? De qualquer forma, se pararmos para pensar, ninguém mais irá jogar ou assistir a qualquer série, ler quadrinhos etc. Porque se levarmos a série, qualquer um irá acreditar que pode voar ou escalar paredes!

Só que é interessante observar que um jogo no mesmo universo de Pokémon, o Snap segue uma linha completamente diferente do título principal, onde o objetivo é tirar fotos! Em New Pokémon Snap, os jogadores são incentivados a pegar sua câmera e procurar por Pokémons selvagens, os observar em seu habitat e fazer a melhor foto! Parece bobo, mas esta ingenuidade é fantástica!

É bacana viajar entre as Ilhas para fazer fotos e ajudar nas pesquisas do Professor Mirror e seus assistentes Rita e Phil. É um aspecto até mais fascinante do que os títulos que estamos acostumados de Pokémon, pois aqui o jogador irá conhecer vários ambientes diferentes como selvas, praias, desertos, etc. E para ser franco, quem não gostaria de fazer isso na vida real?

Poder viajar e viver disso? Conhecer todos os timpos de ambientes naturais, fazendo fotos como um verdadeiro pesquisador no estilo Discovery? Jogos em sua maioria podem parecer apenas algo para se pegar o controle e esmagar os botões, ou sair fazendo combates porque não foi com a cara do outro herói, só porque ele está no seu bairro.

É interessante observar que até a arte do New Pokémon Snap é diferenciada, com os monstrinhos sendo mais alegres e fofinhos, diferente do marketing como Pokémon Go, onde eles estão com pose de combate ou prontos para serem pegos. Lógico que existem outras imagens deles juntos, sorrindo, mas isso não cativa o público que busca ter e sempre ter mais Pokémons. Pois qual é o objetivo? Temos que pegar!

Mas não é bem assim. Eles vão além, muitas vezes com temáticas que ninguém parou para observar de como podem ser educativos, ajudar no desenvolvimento cognitivo, em se socializar e descobrir algo que jamais iria imaginar se alguém não tivesse comentado em uma discussão sadia. Portanto, é jogos como Pokémon Snap são mais do que bem vindos, assim como outros do estilo.

Finalizando, vale destacar que não sou contra Pokémon e seus outros títulos, pois joguei muito os primeiros títulos, assim como cantei os temas de abertura e já tive um chapéu do Charmander.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Produtos recomendados

HD EXTERNO

Comprar

CONTROLES

Comprar

CONSOLES

Comprar

ACESSÓRIOS

Comprar

CADEIRA GAMER

Comprar

HEADSET

Comprar