Kena: Bridge of Spirits compensa erros técnicos com beleza da história e do design

Jogo encanta na espiritualidade e riqueza de detalhes

Publicado em 27/09/2021 14:54
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Um dos jogos mais aguardados do ano foi lançado. ‘Kena: Bridge of Spirits’ está disponível e os jogadores finalmente podem desfrutar da beleza de seus gráficos e da sua história, mesmo que alguns erros técnicos prejudiquem a experiência em alguns momentos.

No game, o player controla a personagem que dá nome ao título. Kena é uma jovem guia espiritual que tem habilidades mágicas. O seu objetivo é ajudar o espírito de pessoas falecidas que ficaram “presos” e, assim, fazer com que consigam passar do mundo físico para o espiritual.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Alguns seres malignos aparecem no meio do caminho para impedir que a personagem cumpra as suas missões e devem ser derrotados. A gameplay nessas horas é bastante fluida, mesmo no combate a curta distância. Algumas dessas batalhas trazem uma dificuldade maior, como em um determinado momento, em que é necessário matar cinco inimigos em 40 segundos; caso não consiga, o jogo zera o relógio e volta do início.

Os detalhes da produção também são bem feitos, com a espiritualidade trazida em cada um. A interação com os Rots, por exemplo, é um deles. Esses pequenos espíritos da natureza têm a responsabilidade de continuar o ciclo natural de decomposição e crescimento. A personagem principal tem uma forte conexão com eles, que lhe permite ajudá-los e fazer com que saiam de seus esconderijos, para onde eles vão muitas vezes para se esconder da corrupção que aparece na floresta.

Porém, é justamente em um desses detalhes que veio um dos primeiros grandes erros técnicos. Kena ganha uma máscara mágica para conseguir entender melhor os percalços pelos quais um dos espíritos passou. Nesse momento, uma falha foi apresentada por um tempo, em que não era mais possível sair da máscara, sendo necessário reiniciar o game para voltar ao normal. Um patch de atualização já foi lançado pela Ember Lab, que corrigiu o problema.

A empresa indie produtora teve em ‘Kena: Bridge of Spirits’ o seu primeiro jogo. Apenas 17 pessoas trabalharam no título, o que faz admirar o trabalho feito, que resultou em um belo jogo. Há boas chances do game concorrer ao ‘melhor indie’, ‘melhor estreia indie’ e ‘melhor direção de arte’ no Game Awards de 2021.

Para quem quiser registrar essa beleza artística do jogo, o modo foto está disponível. Não há muitas opções dentro da ferramenta, mas há como mexer no enquadramento, no granulado e até mesmo na distorção. Um outro erro aparece nesse momento, quando se dá zoom em uma foto tirada da personagem principal por exemplo, pois vemos um desfoque no seu rosto, e até uma espécie de cicatriz com tremulação sendo mostrada em alguns momentos. Ainda assim, vale a pena tirar suas fotos e guardar o belo design do game consigo.

‘Kena: Bridge of Spirits’ está disponível para Playstation 4, Playstation 5 e PC.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Produtos recomendados

HD EXTERNO

Comprar

CONTROLES

Comprar

CONSOLES

Comprar

ACESSÓRIOS

Comprar

CADEIRA GAMER

Comprar

HEADSET

Comprar