brTT e Flamengo: união perfeita. (Foto: Riot Games)

No último domingo (24), aconteceu a última rodada do CBLOL antes da parada para o carnaval. Entretanto, os resultados não foram tão diferentes do sábado (23). O Flamengo venceu mais uma e a INTZ assumiu a vice-liderança da competição. Abaixo, você confere um mega resumo das partidas.

Redemption vs Vivo Keyd

Apesar de ter sido derrotada na última rodada, a Vivo Keyd chegou neste confronto a fim de dar a volta por cima e voltar a vencer no CBLOL. No entanto, do outro lado tinha a Redemption, que procurava se reerguer na competição, após os resultados ruins nas últimas semanas.

Em um jogo marcado por viradas, a Redemption saiu do early game com vantagem, mas viu a Keyd virar o placar e dominar as team fights no mid game. Porém, um velho problema das equipes brasileiras voltou a aparecer: finalizar o jogo. A Keyd não encontrava espaço para quebrar o nexus inimigo e acabou se complicando.

Com o passar do tempo, os campeões selecionados pela Redemption chegaram ao seu pico de poder, dessa forma, em uma luta na rota do meio, Duds conseguiu um belo quadrakill, abrindo espaço para a Redemption chegar a segunda vitória seguida. Já a Keyd, não pontuou neste fim de semana e, devido a isso, caiu na tabela.

Uppercut vs INTZ

Parece que a INTZ se adaptou rapidamente ao novo patch. Em mais uma partida controlada pelos Intrépidos, a Uppercut foi alvo fácil. Dessa forma, os Cangurus conheceram sua quinta derrota consecutiva na competição, fato este que coloca a classificação da equipe para os playoffs em risco.

Leia também: CBLOL | Tudo sobre o dia 13

Certamente, a INTZ é uma das equipes que mais se beneficiou das mudanças do patch, a equipe deu um salto enorme na tabela e já ocupa a segunda colocação. Com uma boa partida de Shini e Tay, os Intrépidos garantiram grande vantagem e numa team fight bem executada, os novos vice-líderes conseguiram um ACE e destruíram o nexus dos Cangurus.

ProGaming vs KaBuM!

O cenário da partida era de bastante apreensão. As duas equipes vinham de derrotas e precisavam se reabilitar no CBLOL. No entanto, novamente a ‘Síndrome de Finalizar o Game’ apareceu na competição. Com um early game perfeito, a KaBuM! abriu grande vantagem sobre a ProGaming, mas, como de costume, não conseguiu criar situações para fechar o jogo.

Mesmo com dois barões, a KaBuM! não encontrava espaço para adentrar na base da ProGaming. Os Caveiras seguravam o jogo e seus campeões ficavam cada vez mais fortes, complicando ainda mais a vida dos Ninjas. Porém, quando a fase não é boa, tudo parece dar errado.

A ProGaming conseguiu eliminar o atirador da KaBuM!, aos 45 minutos. Com a vantagem numérica, partiram para o barão, a fim de executar o buff e destruir a base inimiga. Entretanto, os Ninjas contestaram e conseguiram abater três jogadores dos Caveiras e ficar com o bônus. Dessa forma, eles avançaram até a base inimiga e conquistaram a vitória após muito sufoco e um show de desastres protagonizado por ambos os times.

Flamengo vs CNB

Em primeiro lugar no CBLOL, o Flamengo venceu mais uma. Em uma partida relativamente fácil, os rubro-negros demonstraram estar em um nível bem superior aos outros times da competição.

Dessa vez, o Flamengo conseguiu transferir a vantagem do early game para o restante do jogo. Sem muitos sustos, os rubro-negros derrotaram a CNB. Os blummers não conseguiram repetir o desempenho da rodada anterior. Mas, o que mais achou atenção foi a escolha de Sylas na selva, que não funcionou.

Com a vitória, o Flamengo chegou a 13ª vitória no CBLOL.