https://we.tl/t-jH9HsqlDGE
Agora é de casa. Montagem: Divulgação.

Em contrapartida ao que nada se pôde fazer com as linhas de produção chinesas da Nintendo, que assim como qualquer outra, dependem da presença física de funcionários para fabricar um produto, o setor administrativo administrativo da empresa ainda pode continuar atuando em algumas frentes diante da pandemia do novo coronavírus. Para esse último grupo de trabalhadores, a Nintendo anunciou hoje que está colocando boa parte do setor administrativo americano para trabalhar de casa.

O trabalho em casa já estava sendo cogitado pela empresa, mas foi um risco maior que de fato determinou o home-office. Um funcionário dos escritórios de Redmond, no distrito de Washington, testou positivo para o covid-19.

A capital dos Estados Unidos é um dos estados que tem registrado muitos casos de coronavírus durante a pandemia. Os funcionários afetados pelo teste positivo de coronavírus agora foram instruídos a se auto-quarentenarem, sendo uma decisão tomada por várias outras empresas que enfrentaram situações semelhantes ao monitorar a propagação do coronavírus.

Comunicado oficial

Determinamos que o indivíduo teve contato com outros funcionários e os notificamos sobre a situação“, disse a Nintendo. “Todos os funcionários afetados estão agora em quarentena, independentemente de apresentarem ou não sintomas“.

A Nintendo of America (NOA) tomou a medida de precaução para permitir que os funcionários nos estados da Califórnia e Washington tenham a oportunidade de trabalhar em casa“, disse a Nintendo anteriormente ao Kotaku . “A segurança e o bem-estar de nossos funcionários são nossa principal prioridade. Continuamos monitorando de perto os desenvolvimentos do COVID-19 e compartilhando nossas preocupações e apoio às pessoas afetadas pelo surto do COVID-19.

Confira aqui uma lista com os principais estragos causados pelo coronavírus no mundo dos games.