Playstation
Imagem: Sony

A epay Brasil, empresa nacional na distribuição de códigos pré-pagos em canais digitais, acaba de fechar acordo de distribuição com Sony Interactive Entertainment (PlayStation) para um agressivo plano de expansão dos códigos digitais pré-pagos da empresa no Brasil.

A rede de parceiros de distribuição epay permitirá que tanto o conteúdo de assinaturas Playstation Plus como a loja PlayStation Store marquem presença em em mais 150 mil estabelecimentos em todo o país e nas maiores e-wallets e bancos digitais do mercado brasileiro como PicPay, Banco Inter, Recarga Pay, Flash App, i2020, Jeitto e Payly. 

“Pin on Receipt” –  Alcance Nacional através do pequeno varejo

Chegar a 150 mil pequenos varejos em todo o Brasil é possível graças ao sistema “PoR” ou “Pin-on-Receipt” que permite a impressão de códigos digitais pré-pagos através dos  terminais de venda de recarga de celular (POS) que esses pequenos varejos utilizam. Hoje, a epay Brasil mantém parceria comercial com os distribuidores de recarga de celular que comercializam os códigos digitais nesses terminais, chegando a milhares de cidades onde as grandes redes de varejo não estão presentes, através de pequenas redes de supermercados, padarias, bancas de jornal e farmácias. 

Para o consumidor, a operação é simples: basta solicitar ao vendedor que seleciona o item do conteúdo direto no terminal “POS” e imprime o código do produto (PIN) no comprovante da compra. A partir daí, o consumidor acessa a  plataforma do produto escolhido via celular, digita o PIN, resgata os créditos e utiliza. 

Playstation nas e-wallets e bancos digitais

Outro fator de grande diferenciação da epay para a Sony PlayStation é a distribuição via e-wallets e bancos digitais, canal em que a epay é líder absoluta: “estamos presentes com nosso portfólio de conteúdos online em  50% dos maiores bancos digitais do país e mantemos parceria com oito das dez maiores e-wallets do mercado brasileiro”, avalia Rogério Lima. 

Segundo o executivo, a epay vem apostando nesse segmento  há cerca de três anos, mas a pandemia mudou radicalmente o cenário: “além de um processo natural de migração, com o advento da quarentena, ocorreu uma aceleração na utilização do canal digital para compra de conteúdos”, observa Lima. Segundo ele, a excelente experiência de compra também é um fator importante: “através das e-wallets, a experiência de compra é muito mais prática para o consumidor. Ele usa o saldo disponível na carteira digital, acessa o conteúdo de seu interesse e usa imediatamente.” Como resultado, Lima prevê: “estimamos um aumento de 300% nas vendas do canal Digital para 2020.”

Playstation Plus, conteúdo de assinatura, bem como PlayStation Store, estarão presentes agora nos grandes players do setor como PicPay, Banco Inter, Recarga Pay, Flash App, i2020, Jeitto e Payly. “Nossos parceiros comerciais digitais estão fortemente comprometidos com o desenvolvimento da categoria de gaming e entretenimento online e certamente darão total suporte com ações de comunicação, promoções e cashbacks”, prevê o executivo da epay Brasil. 

Códigos Digitais Pré-Pagos PlayStation

São dois tipos de cartões virtuais: o PlayStation Plus, que funciona como uma assinatura, e através dele o usuário pode jogar online com amigos e ter acesso a dois jogos gratuitos por mês.  E o PlayStation Store, que permite usar os créditos acumulados dentro da e-wallet da PlayStation, onde o jogador pode comprar customizações e outros tipos de update para seus jogos preferidos, além de jogos completos. Os gift cards tem valores pré-definidos se destinam a todos os jogadores de Sistemas PS4, PS3 e PS Vita.

Cartão virtual e valores

  • PlayStation Store 30 – R$ 30,00
  • PlayStation Store 60 – R$ 60,00
  • PlayStation Store 100 – R$ 100,00
  • PlayStation Store 250 – R$ 250,00
  • Assinatura PlayStation Plus 12 meses – R$ 149,90
  • Assinatura PlayStation Plus 3 meses – R$ 64,90

Leia também: