Diablo IV
Game ainda não tem uma data de lançamento exata (Imagem: Blizzard)

A Blizzard compartilhou novos de detalhes de Diablo 4, dando aos jogadores do PS4, Xbox One, PC e para os futuros do PS5 e Series X, um gostinho do que os espera quando o tão esperado título da franquia for lançado.

Além disso, as informações reveladas confirmam que a equipe de desenvolvimento está trabalhando em casa. No entanto, parece que isso não alterou drasticamente o desenvolvimento, o que é uma boa notícia para quem espera ter o jogo em mãos.

No novo título, a equipe de desenvolvimento está experimentando o que descreve como uma mistura de câmeras coreografadas e geradas por ferramentas inéditas. Para interações simples com os NPCs, a câmera é trazida para mais perto, embora ainda seja uma visão isométrica, acompanhado por uma biblioteca de animações.

Mundo

A Blizzard também deu detalhes sobre o mundo aberto do jogo, para o qual está fazendo alterações como resultado do feedback de alguns testes. Em média, quando alguns jogadores se envolverem mais com o mundo aberto e com seus conteúdos paralelos, eles levam o dobro do tempo de jogatina em relação aqueles que se concentrarem na história principal de cada região.

“Embora tenhamos muitas atividades em mundo aberto, como artesanato, eventos, PvP mundial e missões secundárias, talvez o recurso do mapa mais popular seja os Camps”, informa a Blizzard.

“Estes são locais de importância que foram invadidos por inimigos, que uma vez purificados, se transformam em postos avançados amigáveis ​​com NPCs e um local de waypoint. Embora haja uma história de fundo em cada acampamento, a maior parte da narrativa é visual e as missões não o enviam diretamente. Por exemplo, um dos campos era uma cidade atingida por uma maldição que transformava os aldeões em montes de sal. Outro era uma cripta, assombrada por um espírito que possui os corpos de vários mortos-vivos, pulando de esqueleto para esqueleto”, complementa.

Multiplayer

Continuando com as novidades, a a Blizzard também detalhou o multiplayer de Diablo 4 e admitiu que tem sido um desafio para a equipe. O objetivo é incorporar elementos de jogos mundiais compartilhados, sem que o título se desvie para o território MMO. A empresa quer que os jogadores se sintam sozinhos em um mundo perigoso, o que é uma tarefa complicada, quando os players podem ter equipes de até quatro amigos.

Assim, a Blizzard confirmou que as masmorras e os momentos principais da história são sempre particulares para os jogadores e seus grupos. No entanto, áreas como cidades serão os centros sociais do game, com eventos e missões co-op disponível para todos.

“Vale ressaltar que, embora alguma coordenação seja útil durante esses eventos, você nunca é forçado a participar de uma party”, informa a Blizzard.

“Os jogadores solo podem entrar, ajudar a concluir os eventos de raids e reivindicar uma recompensa. Acreditamos que essa abordagem integrada ao multiplayer está funcionando bem e esperamos compartilhar mais sobre esse recurso em breve. Em nossos testes até agora, o mundo parece vivo e dinâmico sem comprometer a sensação de Diablo. Para os fãs que querem se divertir contra os lacaios do inferno, temos novas ferramentas disponíveis para encontrar um grupo, seja por atividade ou proximidade no mundo do jogo“, finaliza.

Até o momento, a Blizzard não definiu uma data de lançamento para Diablo IV. O que se sabe até o momento é que ele ficará disponível para PS4, Xbox One, PC, PS5 e Series X