Conheça ENEFN, game que está sendo feito por uma só pessoa

Publicado em 13/6/2020
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Nesta semana, The last of us 2 está finalmente chegando ao mercado após anos de labuta física e virtual do estúdio Naughty Dog, que com seus mais de 450 colaboradores, está entregando um trabalho milionário que promete brigar para ser o jogo do ano.

Milhões de dólares, muitos funcionários, jogo do ano. Até aqui, esses apontamentos da frase anterior são quase uma receita para sair um grande jogo. Contudo, é num outro extremo dessa realidade que muitos jogos são criados. É ali, no contraste dessa receita, que poucas pessoas e pouco dinheiro tentam fazer o jogo da vida. É o caso game ENEFN, que está sendo desenvolvido solitariamente pelo designer campinense Theago Liddell (34).

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O game

ENEFN é um jogo 2D de sobrevivência com gráficos retrô no estilo Pixel Art, onde o jogador controla o único estudante misterioso que pode transitar livremente pela escola, conhecer os outros alunos e descobrir seus segredos.

Os inimigos vagam pelos corredores e salas abandonadas enquanto você deve completar missões, desvendar segredos e encontrar itens para progredir na história. Todo este esforço para buscar sua liberdade ou o entendimento.

A jogabilidade é simples e é necessário fingir-se de morto para que os inimigos não te encontrem, É importante frisar que o enredo contém cenas perturbadoras, e pode não ser adequado para crianças ou pessoas que são assustadas facilmente. Confira abaixo o trailer do game:

Como surgiu a ideia

De acordo com Theago, que também é o idealizador do jogo, parte do que se vive no game vem de sua própria vivência. “O jogo é basicamente um reflexo de todas as experiências que tive nas escolas que eu estudei na infância.

Criador e criatura: Theago Liddel e o seu personagem. Imagens: Divulgação.

Eu me mudava muito, então acho que o jogo é sobre a prisão psicológica que entramos ao se esforçar em agradar as pessoas a seu redor para se adaptar o mais rápido possível e não sofrer com a solidão, ao mesmo que tempo que te leva mais rápido ao objetivo, também te deixa numa situação irreversível de apatia, quando você finge gostar de todo mundo e na verdade não teve tempo para gostar verdadeiramente de ninguém.” comenta o designer.

Tempo levado até aqui

Jogos feitos por poucas pessoas são mais comuns do que se imagina, aliás, isso compõe a maioria dos casos nessa indústria. Contudo, o ato solitário de Theago, que toca tudo sozinho, é de fato um caso raro, dada a complexidade da missão que envolve vários tipos de habilidades diferentes.

Cena de ENEFN. Imagens: Divulgação.

E embora o projeto ainda não esteja finalizado, boa parte do que já está feito consumiu até aqui cerca de 5 meses do solitário desenvolvedor, que precisa se dividir em várias funções para ir tocando em frente o game.

Principais dificuldades

Além do que já está evidentemente complicado dada a situação apontada até aqui, estar só para tudo não é a única parte difícil disso tudo. Theago é portador de TDAH (Transtorno do Déficit de Atenção com Hiperatividade), o que deixa tudo ainda mais delicado.

Cena de ENEFN. Imagens: Divulgação.

Eu sofro bastante com a falta de foco. Então, não consigo trabalhar em apenas um projeto por vez. Só consigo realmente terminar alguma coisa quando me empenho em várias iniciativas ao mesmo tempo, então sempre tenho comigo uma folha com uma organização de 15 espaços com 15 sequências de linhas de etapas.

Esse é um jeito que inventei para organizar todas as minhas ideias e trabalhar nelas ao mesmo tempo, ao fim de um processo desses, 5 meses foi o que eu precisei para tirar o ENEFN do papel e conseguir deixá-lo como está hoje!” diz o designer, que entende que esse também seja um dos principais motivos para que ele acabasse fazendo o jogo sozinho.

Por enquanto, ainda é uma limitação, mas o artista entende que a experiência futuramente contribua para que projetos em equipe possam ser avaliados com mais chances de realização.

Solitário, mas com apoio

Atualmente, ENEFN conta com uma vaquinha virtual que tem como meta adquirir fundos para concluir o projeto. O jogo também já está listado na Steam, onde já é possível favoritar o projeto para ficar sabendo de todas as atualizações do processo até que ele seja lançado.

Características do game

  • Versões IOS, Android, Steam e DRM-Free
  • Sistema furtivo para se esconder dos inimigos
  • Salvar sistema no menu principal
  • 11 itens modificadores de missão
  • 12 páginas de diário colecionável
  • 10 alunos com tarefas únicas na escola
  • Suporte e conquistas do Gamepad no Steam
  • 8 idiomas: português, inglês, espanhol, alemão, francês, japonês, chinês e russo.

Além da Steam, o trabalho do designer pode ser acompanhado através das contas oficiais do game no Instagram e Youtube.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio