Diretor de Silent Hill diz que está ‘colaborando com um famoso criador no Japão

Keiichiro Toyama não deu mais detalhes sobre quem seria este misterioso criador, mas os fãs já estão cogitando.

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em dezembro de 2020, para surpresa geral, Keiichiro Toyama anunciou sua saída da SIE Japan Studio para formar o Bokeh Game Studio, que fundou com Junya Okura, designer-chefe da série Gravity Rush, e Kazunobu Sato, designer-chefe do Puppeteer exclusivo para PlayStation 3.

Segundo o criador de Silent Hill, seu próximo jogo será um título de ação e aventura de terror, que visa um lançamento multiplataforma para 2023. Muitos dos ex-membros de designer da equipe do Japan Studio o seguiram até Bokeh, antes do encerramento do estúdio SIE.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em entrevista recém-publicada ao canal do YouTube, Al Hub, Toyama brincou que “há mais a ser revelado em termos de com quem ele está colaborando atualmente”. Solicitado a falar algo que ninguém ouviu antes, Toyama disse: “Obviamente ainda estamos no início, então não há muito que possamos dizer, mas estamos procurando criar uma experiência que possa ser amplamente desfrutada por uma gama de pessoas ”, disse ele.

“Então, por exemplo, pretendemos que nosso game tenha uma ambientação em cidades asiáticas. Uma coisa que podemos dizer é que estamos trabalhando muito agora para colaborar com um famoso criador do Japão, e isso é algo sobre o qual não tínhamos comentado antes”, finalizou.

Rumores

O ano de 2020 teve uma quantidade significativa de especulações de que a desenvolvedora Konami poderia estar se preparando para anunciar um novo jogo da série de terror, assim como várias parcerias com Hideo Kojima, onde cada uma delas acabou sendo desmentida ao longo de dias e meses.

O site VGC relatou no mês passado que um desenvolvedor japonês proeminente está atualmente trabalhando em uma reformulação da série e o compositor de Silent Hill, Akira Yamaoka disse que seu próximo projeto de jogo é “aquele que você esperava ouvir” em uma nova entrevista em vídeo, que acabou sendo tirada do ar. A Konami disse mais tarde ao VGC que não solicitou a remoção do vídeo da entrevista de Yamaoka.

Porque deixei a Sony

Em um vídeo publicado em fevereiro deste ano, Keiichiro Toyama explicou sua decisão de deixar a Sony e discutiu a inspiração para seu próximo jogo. Segundo ele, “os jogos têm se tornado cada vez maiores nos últimos anos. O público ficou mais amplo, principalmente para empresas como a Sony, onde eu estava. No entanto, em vez de atingir o maior público possível, meus jogos escolhem seu público de outra forma. No final, estou confiante de que eles deixam um marco. Aspiro fazer IPs que os fãs possam desfrutar 10, 20 anos depois de serem lançados. Como quero continuar conseguindo isso nas condições certas, senti que era necessário ter meu próprio estúdio.”

Agora resta saber quem será este famoso criador japonês. Quais são suas apostas? Deixe no comentário abaixo!

Via: Al Hub/Bokeh Game Studio

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio