Falkol Prodigy
Imagem: Divulgação

Pioneirismo e inovação. Investimento e evolução no competitivo. Formação e desenvolvimento de novos talentos. Tais características sempre foram referências para definir Falkol e Prodigy no cenário de eSports no Brasil. Com essa sinergia, os clubes decidiram potencializar forças em uma fusão que trará os “Dragões Prodígios” para o jogo: a partir de setembro de 2020, nasce a Falkol Prodigy!

Em busca de uma vaga no processo de seleção de franquias da Riot, visando o Campeonato Brasileiro de League of Legends (CBLoL) de 2021 em diante, Falkol e Prodigy unem gestão, equipes, staff, infraestrutura, além de marketing, produção de conteúdo digital e engajamento de fãs, mirando o topo na prateleira das melhores e mais vitoriosas organizações do esporte eletrônico brasileiro, incluindo outras modalidades (abaixo).

Já presentes no competitivo, ambos os clubes já haviam realizado a aplicação individualmente e, agora, apresentarão um novo projeto consolidado à Riot. A Falkol Prodigy idealizará um projeto sustentável a longo prazo, aproveitando o que de melhor funcionou nas duas organizações nos últimos anos.

“A fusão da PRG com a Falkol nasce com valores de sustentabilidade e traz o equilíbrio necessário para nos mantermos na competição com emoção, racionalidade e resultados satisfatórios. Temos objetivos claros: colocar nossa organização no mais alto patamar de desempenho esportivo que o Brasil já conheceu. Com essa união de forças de gestão e liderança, esperamos potencializar os principais pontos de cada clube”, afirma Marina Leite, CEO da Prodigy.

“A Falkol nasceu de três palavras: determinação, força e coragem. Essas premissas nos unem à PRG, e não tenho dúvidas de que iremos inovar no mundo Gamer. Nascemos de forma sustentável, mas esperamos atrair todos os players do mercado, com grande estrutura, equipes competitivas que brigam por títulos, além de fortalecer nossa base de fãs e seguidores ao redor do Brasil e do mundo”, ressalta Aristóteles ‘Toti’ Azevedo, CEO da Falkol.

Fundada em 2016, proveniente da antiga Pro Gaming, a Prodigy entrou no competitivo de League of Legends em 2017, através do Circuito Desafiante, e logo conquistou acesso ao CBLoL. Nesta temporada de 2020, a organização obteve seu melhor resultado desportivo, ao alcançar a semifinal do 2º split, chegando perto a disputar uma vaga no Mundial.

Já a Falkol, criada em 2018 e conhecida por seu carismático mascote “Dragão Azul”, surgiu com enorme engajamento de causas sociais, evolução tecnológica, um consistente projeto focado na formação de novos atletas – com sua equipe universitária Falkol Storm – além de impactar o cenário ao se tornar a primeira organização de eSports a disponibilizar estrutura e experiência para a line-up feminina competitiva no LoL. Neste segundo semestre, a equipe disputou o Circuito Desafiante.

No projeto da fusão, a partir de 2021, a Falkol Prodigy tem como meta implementar novos programas focados em ampliar o engajamento com o público, ampla criação de conteúdo e seleção de novos atletas, inspirado nas melhores práticas internacionais e nos influenciadores. Até o fim do ano, outras novidades da parceria serão anunciadas, sendo uma delas investir na evolução do canal Falkol Prodigy TV, canal com uma programação repleta de conteúdos Gamers e muita interação com o público.

A nova organização amplia sua atuação com equipes e estruturas no Rainbow Six Siege, Valorant, Fortnite, Free Fire, CS:GO, FIFA, entre outros.

Leia também: