playstation 5
Imagem: Reprodução

Assim como a geração atual do PlayStation, o PlayStation 5 não forçará os usuários a atualizarem os jogos que podem ser reproduzidos offline. Isso está de acordo com o recente vídeo de análise da interface do usuário demonstrado pela Sony para ajudar os jogadores a se prepararem para o novo console.

O vídeo mais recente da Sony destaca os recursos mais impressionantes que a interface do usuário do PS5 é capaz. O mais incrível é, provavelmente, a visualização da tela inicial de um determinado jogo no momento exato em que foi deixado com a capacidade de continuar jogando instantaneamente.

A interface do usuário do PS5 também mostra muitas informações úteis, incluindo os objetivos mais próximos, porcentagem de conclusão e outros dados sobre o nível atual do jogo. A experiência geral se tornou muito mais contínua e fluida graças a um ecossistema completamente renovado e aplicativos integrados. Ao mesmo tempo, o PS5 incorpora todas as melhores conquistas de interface do usuário da geração atual.

Com novas inovações e melhorias significativas na qualidade de vida, a interface real do PS5 parece ainda melhor do que se imaginava em um conceito que foi divulgado em março. O YouTuber TwoJ optou por uma solução tangivelmente diferente, investindo em uma aparência mais cinematográfica da interface.

O resultado estranhamente se assemelha a serviços de streaming como a Netflix, sendo ao mesmo tempo definitivamente menos ergonômico e amigável do que se poderia imaginar. O autor optou pela aparência ao invés da funcionalidade, mas isso é apenas uma visão romantizada do fã, que não precisa ser verdadeiramente crível.

É definitivamente reconfortante ver que a Sony não abandonou a forma como trata os jogos offline no PlayStation mesmo com a chegada do novo console.. Ao mesmo tempo em que apresenta as inovações muito necessárias, o PS5 aparentemente visa manter as soluções já favoráveis intactas, o que é uma maneira tranquilizadora de manter um público fiel de fãs devotos. O mundo dos jogos não está totalmente pronto para um status online obrigatório e, felizmente, a Sony não tem intenção de ir contra a maré.

Fonte: Playstation/Game Rant/Screenrant/Gaming Bolt

Leia também: