Fatal Frame 2
Imagem: Divulgação

Desnecessário dizer que os jogos de terror de sobrevivência devem perturbar. Com seus corredores claustrofóbicos (onde estão os eletricistas), munição limitada e uma atmosfera assustadora, não podemos deixar de ficar aterrorizados. Mas a cereja no topo do bolo (ou será que é uma armadilha) são sempre os inimigos aterrorizantes que encontramos no mundo do terror.

Quem não ama um bom monstro? Séries como Silent Hill e Resident Evil nos trazem bizarrices há anos, e outras séries como Amnesia e Dead Space realmente se valeram desse design. Os sons que eles fazem, os eixos que balançam e seus medidores de velocidade aparentemente sem fundo são o que nos fazem tremer. Portanto, aqui está uma lista dos 10 monstros de videogame mais bizarros de todos os tempos:

Regenerators – Resident Evil 4

É mais do que a respiração ofegante e rouca que assombra os corredores estéreis dos últimos estágios de Resident Evil 4 que deixam esses caras assustadores. Não, o que torna esses monstros tão assustadores é como eles simplesmente ficam ali, olhando fixamente antes de passear em sua direção. Sua arma abre buracos em seus corpos inchados e cinzentos, apenas para preencher momentos depois, como se nada tivesse acontecido. Inferno, suas cabeças voltam quando você as explode. Suas cabeças. Ah, e se você está realmente procurando uma surpresa, atire nas pernas.

Broken Neck – Fatal Frame 2

Percorrendo a vila perdida, arrastando incontáveis ​​espíritos malévolos para o outro mundo com a Câmera Obscura, você tropeça em uma sala que é inquietamente vazia, exceto por um projetor solitário. Como muitos personagens de filmes de terror antes de sua mutilação, você liga o projetor para ver que horrores ele exibia diante de si, em vez de pegar a dica e dar o fora. Esta é sem dúvida alguma o pesadelo de muitos jogadores. Ela aparece do nada, e sem nada o melhor a fazer é fugir dali. A personagem é sem dúvida alguma uma da mais aterrorizantes do universo dos games.

Twin Victim – Silent Hill 4

Embora seja assustador quando criaturas assassinas de videogame tentam matá-lo, isso geralmente é sobre a extensão de suas interações com elas. Muito raramente os inimigos interagem com você além das sequências de ataque com script. As Vítimas Gêmeas de Silent Hill 4, no entanto, fazem um esforço extra para lembrá-lo de que elas sabem que você está lá. Eles não atacam à vista, em vez disso permanecem imóveis e olham para você à distância, estendendo a mão, apontando para você e sussurrando “receptor de…” logo antes de atacar e arranhar-lhe cruelmente. E, sim, e as Vítimas Gêmeas são dois gêmeos siameses adormecidos de tamanho grande, envoltos em uma capa preta, andando em dois braços adultos. Por que eles têm braços adultos?!

Librarian – Metro 2033

O que tornou os bibliotecários do Metro 2033 tão assustadores foi o fato de que, se você os encarasse, eles optariam por não atacar – recuando e retornando ao seu território. No entanto, se você der as costas a eles e depois se virar, apenas para garantir que eles não mudem de ideia, você poderá notar que eles estavam um pouco mais perto do que antes, suas formas curvadas e semelhantes a um gorila olhando para você de uma distância cada vez menor que só diminuía cada vez que você vira as costas. Os fãs de Dr. Who já podem imaginar os monstros de Don´t Blink. Alguém poderia pensar que matá-lo removeria essa tensão, mas esses eram inimigos extremamente difíceis que poderiam matá-lo ou mortalmente feri-lo muito rapidamente. Mesmo se você escapasse com vida, ter que usar os poucos e preciosos suprimentos médicos que possui apenas tornaria as coisas mais difíceis no caminho.

Kaernk – Amnesia: The Dark Descent

Não há nada pior do que se sentir totalmente fora de controle, e impotente em um jogo distorcido que o destino brinca com os infelizes. Em Amnesia: The Dark Descent, onde você não tem armas com as quais se defender, esse sentimento está constantemente presente. No entanto, nos Arquivos Inundados, Daniel não está apenas impotente para lutar devido à falta de armas – ele não consegue nem ver seu inimigo. Esses terrores invisíveis só podem ser detectados quando vagarosamente, deliberadamente, perseguem em sua direção na água – seus movimentos são indicados pelas ondulações que seus apêndices transparentes criam à medida que caminham em sua direção. Quando tanta coisa é deixada para a imaginação, torna a experiência muito mais aterrorizante.