Após intimação policial por fala contra Bolsonaro, Felipe Neto fixa tweet: “CALA BOCA JÁ MORREU”

Gamer cria ação que visa defender pessoas que foram intimadas pela polícia, ao criticarem o governo

Publicado em 21/3/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Após chamar o presidente Jair Bolsonaro de genocida e receber intimação policial, Felipe Neto lançou ação chamada ‘Cala Boca já Morreu’, e usou as redes sociais para compartilhar um vídeo, explicando sobre a ação.

“Está oficialmente lançado! CALA BOCA JÁ MORREU Ninguém ficará sem defesa caso seja vítima de abuso de autoridade contra a liberdade de expressão. Um povo jamais deve temer seu governo. O governo é que deve temer seu povo. Espalhe o vídeo e deixe RT”, disse.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O gamer criou a ação para que outras pessoas não sejam processadas pelo governo, ao fazerem críticas na web, assim como ele foi. O projeto conta com o apoio e participação dos escritórios dos especialistas André Perecmanis, Augusto de Arruda Botelho, Davi Tangerino e Beto Vasconcelos.

Essa iniciativa contemplará ações criminais, cíveis e administrativas. Para aqueles que não sabem, Felipe Neto mantém um canal no Youtube, em que fala sobre assuntos diversos, além de fazer gameplay.

Via: Twitter/Felipe Neto
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio