Publicidade

Criança brasileira com alto Qi não perde tempo com redes sociais, revela família

Gostou? Compartilhe!
Elio Henrique Santos Dalferth
O garoto Elio Henrique Santos Dalferth. (Imagem: Reprodução)
Publicidade

O menino Elio Henrique Santos Dalferth, brasileiro mais novo a entrar para uma das sociedades de pessoas de alto Qi no mundo – Mensa da Inglaterra -, pode estar se destacando também como um ponto fora da curva não só pela superdotação, mas pelo fato de ir na contramão das crianças da sua idade no que diz respeito ao consumo de redes sociais.

Segundo me contou a mãe dele, Brenda Santis, hoje o menino acaba se interessando mais por outra forma de consumir internet.

Ele prefere muito mais o YouTube kids do que ter contato com Instagram, TikTok (…) a gente tenta sempre evitar que ele tenha contato com essas ferramentas que muitas vezes só nos fazem perder tempo”, disse-me Brenda.

Continua depois da Publicidade

Mediante isso, também segundo ela, Elio tem mostrando interesse por uma forma mais enriquecedora de uso dos meios digitais.

Ele passa a maior parte do tempo brincando com os dinossauros que ele adora, a tarde vai para escola e quando volta ele tem um momento para assistir conteúdos educativos e desenhos animados que ele também adora no YouTube Kids”, iniciou.

Brenda me contou também que hoje, vendo que ele demonstra interesse por coisas um pouco mais educativas, ela já o colocou para aprender a fazer programação. Ela finalizou contando que ele já consegue jogar bem o Minecraft e está atualmente aprendendo todos os comandos de um computador grande.

Sobre o Dr. Fabiano de Abreu

Nas profundezas da razão”- livro de Fabiano de Abreu – comportamento humano  e saúde mental – distribuição gratuita – Cultura 930

Além de colunista do Observatório de Games, Fabiano de Abreu Agrela Rodrigues é PhD em Neurociências, Mestre em Psicanálise, Doutor e Mestre em Ciências da Saúde nas áreas de Psicologia e Neurociências com formações também em neuropsicologia, licenciatura em biologia e em história, tecnólogo em antropologia.

Pós graduado em Programação Neurolinguística, Neuroplasticidade, Inteligência Artificial, Neurociência aplicada à Aprendizagem, Psicologia Existencial Humanista e Fenomenológica, MBA, autorrealização, propósito e sentido, Filosofia, Jornalismo e formação profissional em Nutrição Clínica. Atualmente, é diretor do Centro de Pesquisas e Análises Heráclito

Chefe do Departamento de Ciências e Tecnologia da Logos University International, diretor da MF Press Global, membro da Sociedade Brasileira de Neurociências e da Society for Neuroscience, maior sociedade de neurociências do mundo, nos Estados Unidos. Membro da Mensa e Intertel, associação de pessoas de alto QI e especialista em estudos sobre comportamento humano e inteligência com mais de 100 estudos publicados.

Leia também:

Thomas Shelby é o mais famoso exemplo de inteligência DWRI; Saiba o que é

Como é o cérebro de uma pessoa com alto QI? Especialistas respondem

Inteligência humana pode ser influenciada por fatores genéticos e sociais?

Quais as diferenças entre o cérebro humano e o animal?

CONTEÚDO RELACIONADO