Carioca constrói cadeira gamer na raça com a ajuda da mãe e irmão

Trabalho do gamer está arrancando aplausos na internet

Publicado em 24/8/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Nesta semana, o carioca Daniel Santiago (27) deu um exemplo de habilidade ao ter fotos de um trabalho seu compartilhadas no Facebook. Através do grupo Faça Você mesmo, a tia de Daniel, Nem Oliveira, fez uma postagem a fim de mostrar o esforço do sobrinho, que queria muito ter uma cadeira gamer.

Em conversa com o Observatório de Games, o morador do Rio de Janeiro contou quais são as principais histórias por trás dessa atitude. Gamer desde criança, Daniel há mais de um ano pesquisava preços enquanto juntava dinheiro para tentar comprar uma cadeira para jogar mais confortavelmente.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Contudo, com a desvalorização do dólar e os preços sempre atingindo um nível hard para os bolsos do motoboy, ele se cansou da situação e resolveu ir para o modo ultra hard e se deu missão: fazer ele mesmo uma cadeira gamer, deixando o dinheiro que já havia reunido para investir em um monitor.

Usando a base de uma velha cadeira de escritório que já possuía em casa, Daniel adaptou madeiras de armário para a parte do assento e encosto. Na sequência, o jovem aproveitou até as dobradiças para esculpir a parte das abas do encosto.

Ajuda da mãe e do irmão

Montado o esqueleto da cadeira, foi hora de dar forro ao objeto. As espumas de colchão foram recortadas dentro do molde imaginado e posicionadas no assento e encosto. Bruno, irmão de Daniel, arrumou parafusos e outras ferramentas para fixar tudo corretamente.

Com tudo montado, foi hora de encomendar um tecido que pudesse ser fixado ao redor de tudo, e foi nessa hora que Dona Edileuza, mãe de Daniel, assumiu o controle. Após a chegada do tecido encomendado, a dona de casa costurou o tecido recortado pelo filho e deu ares finais ao objeto. Confira as etapas abaixo:

Tempo e preço

De acordo com o carioca, foram necessários apenas R$200 reais para o tecido e uma semana de até que ele chegasse e a mãe arrumasse um tempo livre para realizar a costura.

“Eu tinha praticamente tudo em casa e o tempo gasto mesmo foi com o tecido, que eu poderia economizar com um modelo um pouco mais simples, mas já que iria fazer, preferi investir em um com mais detalhes e um pouco mais caro.

Daniel Santiago – Motoby

Repercussão

No grupo de onde a postagem original foi viralizada, a atitude tem arrancado elogios rasgados por parte dos integrantes, que até o momento já curtiram o esforço com cerca de 28mil likes e mais de 1500 compartilhamentos.

Alguns internautas sugeriram até que Daniel tentasse aceitar algumas encomendas, mas de acordo com o motoboy, a sua profissão atual lhe consome bastante tempo, de maneira que falta tempo e também matéria-prima para aceitar encomendas, mas ele garante que “está pensando muito nessa possibilidade” sobre como deixar isso viável.

Próxima missão

Fã de FIFA e Call of Duty, Daniel declara que já está jogando online com seus amigos em sua cadeira nova. E para melhorar a experiência de jogo, a próxima missão é adquirir um headset. “Esse não tem como fazer, vou ter que dar um jeito de comprar”, diz Daniel aos risos, um dos cases de maior orgulho do grupo Faça Você Mesmo.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Produtos recomendados

HD EXTERNO

Comprar

CONTROLES

Comprar

CONSOLES

Comprar

ACESSÓRIOS

Comprar

CADEIRA GAMER

Comprar

HEADSET

Comprar