Publicidade
Assista ao vídeo

Criador de Breaking Bad lançou uma adaptação de jogo inspirada em GTA

Em uma entrevista recente no podcast “Inside the Gilliverse”, o criador de Breaking Bad e Better Call Saul, Vince Gilligan, discutiu a ideia de um jogo ambientado nesse universo.
Gostou? Compartilhe!
breaking bad
(Imagem: Divulgação)
Publicidade

O criador de Breaking Bad, Vince Gilligan, discutiu recentemente todos os videogames em potencial para a amada série de TV e observou que eles discutiram uma adaptação semelhante a Grand Theft Auto em um ponto. Breaking Bad e sua série prequel Better Call Saul são algumas das peças de televisão mais aclamadas já criadas, gerando mercadorias e até um filme da Netflix.

Dado todo o seu sucesso, é surpreendente que a AMC não tenha ordenhado muito. Ao longo dos anos, os fãs imaginaram como seria um jogo de Breaking Bad e, aparentemente, os fãs não foram os únicos a debater ideias para o meio. Em uma entrevista recente no podcast “Inside the Gilliverse“, o criador de Breaking Bad e Better Call Saul, Vince Gilligan, discutiu a ideia de um jogo ambientado nesse universo.

O criador observou que houve inúmeras tentativas de fazer um videogame de Breaking Bad, mas o exemplo mais notável incluiu um em que Gilligan lançou a ideia de um jogo no mundo semelhante a Grand Theft Auto e, embora não tenha acontecido, ele acha que ainda “faz sentido”. Ele também parecia sugerir que queria que a Rockstar Games fizesse isso, mas não ficou um pouco claro, pois ele não é super versado no mundo dos jogos.

Continua depois da Publicidade

Gilligan observou que a equipe também estava trabalhando em um jogo de PlayStation VR em um ponto, mas não deu certo. “Eu não sou muito de jogar videogame, mas como você pode não conhecer Grand Theft Auto”, disse Gilligan. “Lembro-me de dizer aos caras, que estão rodando a Apple agora, que disseram sim originalmente a Breaking Bad, ‘Quem é o dono do Grand Theft Auto? Você não pode ter um módulo, pode haver um [jogo] Breaking Bad?’ [Isso] ainda faz sentido para mim! Isso nunca se concretizou. Houve algumas tentativas de videogames, algumas delas chegaram ao mercado. Tentamos fazer uma experiência de realidade virtual com o headset Sony PlayStation VR. Fizemos um jogo para celular que durou um pouco.”

Gilligan continuou dizendo que a equipe escreveu três ou quatro jogos diferentes, mas nada saiu. Ele observou que fazer jogos é muito difícil e caro, mas a equipe também é incrivelmente protetora da marca Breaking Bad.

Com isso dito, Gilligan disse que os fãs não devem prender a respiração para um videogame Breaking Bad, observando que eles não querem fazer algo como o infame videogame ET Atari.

Via: ComicBook/YouTube

CONTEÚDO RELACIONADO