Guerra na Ucrânia e violência no futebol brasileiro são comentados pelo goleiro Cássio

"É inadmissível ver jogadores sangrando, jogadores machucados, jogos sendo adiados"

Publicado em 28/02/2022 17:22
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

As últimas notícias do mundo tem envolvido assuntos nada bons, como a guerra da Rússia contra a Ucrânia e a violência no futebol brasileiro. O goleiro Cássio, Capitão do Corinthians, resolveu falar sobre esses dois temas relevantes do noticiário.

“Nós, jogadores, temos que nos posicionar. Vale lembrar o pessoal que está lá na Ucrânia, que eles possam voltar o mais rápido possível. E também o que tem acontecido no futebol brasileiro. É inadmissível ver jogadores sangrando, jogadores machucados, jogos sendo adiados”, falou.

“E não é para todo torcedor, porque muito torcedor está indignado. Isso não pode acontecer no Brasil, temos que evoluir e não aceitar mais isso”, falou ainda Cássio, fazendo referência aos acontecimentos recentes nos estados da Bahia, Rio Grande do Sul e Paraná. O Gre-Nal, que aconteceria no último dia 26 no Beira-Rio, foi cancelado após a delegação do Grêmio ser atacada com pedras após chegada no estádio do rival. Um jogador precisou ser hospitalizado.

Outro caso é o Paraná Clube, que foi rebaixado para a segunda divisão do campeonato paranaense, e os torcedores resolveram invadir o gramado, agredindo atletas e membros da comissão técnica. Apesar de tudo, mantemo-nos com esperança de um mundo com menos violência.

Via: Yago Rudá/UOL Esporte

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Produtos recomendados

HD EXTERNO

Comprar

CONTROLES

Comprar

CONSOLES

Comprar

ACESSÓRIOS

Comprar

CADEIRA GAMER

Comprar

HEADSET

Comprar