Japonês aplica o maior golpe do país envolvendo PS5, Nintendo Switch e seus jogos

Caso está repercutindo muito no Japão e uma parte dessa história lembra muito o seriado da Netflix

Publicado em 26/11/2021 15:27
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Nesta semana, os jornais japoneses publicaram uma notícia que tem repercutido pelo país, uma parte pelo crime em si, e outra por uma lamentável coincidência com o universo da ficção, vista no famoso seriado ‘Round 6’, da vizinha Coreia do Sul.

O crime

De acordo com os veículos locais, a polícia da região de Tóquio prendeu aquele que pode ser considerado o responsável pelo primeiro e único grande golpe envolvendo PS5 e Switch no país. O desempregado Minemura Fuyuki, de 50 anos, teria desviado uma carga de PlayStation 5, Nintendo Switch e jogos de ambos os sistemas para revender.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Na época em que ocorreu o crime, uma amigo de Minemura que trabalhava numa empresa de entregas, solicitou sua ajuda para conseguir cumprir a apertada demanda que ele enfrentava no momento. Contudo, ao invés de realizar as entregas, Minemura desviou sua rota para Akihabara, o famoso bairro de eletrônicos na capital do país, onde comerciantes teriam comprado mais da metade da carga somente no primeiro dia.

O tamanho do prejuízo

Ao todo, foram cerca de 200 consoles entre PS5 e Nintendo Switch, além de jogos de ambos os sistemas. No país, isto está estimado em 5,8 milhões de ienes (quase R$285 mil na cotação atual). Apenas para efeito de comparação, o valor corresponde à quase dois anos e meio de salário de um trabalhador fabril.

De acordo com a apuração local, vendendo muito mais barato que o encontrado de maneira oficial, o japonês teria conseguido despachar tudo por pouco mais de 3 milhões de ienes. As investigações ainda não chegaram à uma conclusão sobre um suposto envolvimento do amigo de Minemura.

Fuga, esconderijo e vício

Após sumir com a carga, o homem teria circulado pelas ruas de Tóquio até se instalar em um cybercafé da capital. Muito populares no país, muitos destes lugares oferecem cabines particulares, chuveiro e até refrigerante por um valor diário.

Ao ser encontrado e preso, o homem confessou que cometeu o golpe porque estava com problemas financeiros. Já o dinheiro adquirido com o crime teria tido um destino em outra área dos jogos: os de aposta. Viciado em corrida de cavalos, Minemura declarou que gastou praticamente tudo que conseguiu nisto.

Comparação inevitável

Pela internet, a confissão do desempregado foi motivo de piada para alguns internautas, que não puderam deixar de notar a semelhança com uma parte do seriado ‘Round 6’, da Netflix. Na trama sul-coreana, Seong Gi-Hun (Lee Jung-jae), um homem de meia idade, se encontra desempregado, endividado e sem rumo na vida.

Contudo, a coincidência em torno do personagem asiático que o deixa parecido com Minemura é justamente seu maior vício, que também é apostar em corrida de cavalos, algo que Seong Gi-Hun faz no seriado com dinheiro desviado da própria mãe e até de mafiosos.

Momento do seriado ‘Round 6’ em que o personagem Seong Gi-Hun Lee Jung-jae) se descontrola ao torcer numa corrida de cavalos acompanhada pelo monitor. (Imagem: Reprodução Netflix)

As investigações devem seguir abordando também os prováveis receptores da mercadoria desviada no golpe.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Produtos recomendados

HD EXTERNO

Comprar

CONTROLES

Comprar

CONSOLES

Comprar

ACESSÓRIOS

Comprar

CADEIRA GAMER

Comprar

HEADSET

Comprar