Publicidade
Mercado

Jogo sensação do momento, FOOT TABLE reúne famosos em evento e sonha alto

Gostou? Compartilhe!
Zé Roberto Foot Table
Zé Roberto, ex-jogador de futebol e hoje embaixador da Foot Table conversa com imprensa durante o evento. (Imagem: Montagem/ @corrohgomes.fotografo)
Publicidade

Quando parece que o futebol já explorou todas as suas formas variantes (que o diga o setor gamer, onde até carros entram em campo como jogadores), os brasileiros se escalam para dizer que ainda existem meios de se divertir com isso, como é o caso do jogo sensação do momento, o FOOT TABLE, que reuniu famosos na noite dessa terça (28), em São Paulo.

Os fundadores do Foot Table, Victor Pelae, Gabriel Rodrigues, Fabio Villas ,Marcelo Maciel e Zé Roberto (centro).  Foto: Pedro Giannini
O encontro reuniu ex-jogadores reuniu diversos nomes ligados ao esporte e ao mercado financeiro. (Foto: @corrohgomes.fotografo)

O encontro ocorrido na ARENA XP, em São Paulo, serviu para celebrar a parceria entre a FOOT TABLE e a Riza Asset Management (empresa do setor financeiro), e pôde ser conferido por convidados como os ex-jogadores Denílson e Zé Roberto, eleito o novo embaixador Foot Table.

Zé Roberto discursa no palco da Arena XP, em São Paulo. (Foto: @corrohgomes.fotografo)

Fundadores estão otimistas

Os fundadores do Foot Table, Victor Pelae, Gabriel Rodrigues, Fabio Villas e Marcelo Maciel (ex-jogadores de futebol profissional), estão otimistas com a rápida repercussão que tem tomado a brincadeira, criada despretensiosamente dentro de uma quadra de squash, em 2021.

Continua depois da Publicidade
Fundadores do Foot Table : Fabio Villas e Victor Pelae (Foto: Vanderley Fhotografy). (Foto: Vanderlei Photografy)

Pouco tempo depois, a ideia tomou corpo e os investimentos avançaram rápido até chamar a atenção de alguns investidores dispostos a entrar no time. “Vimos no esporte uma ótima oportunidade crescimento” diz Daniel Lemos, fundador da Riza Asset Management.

Gabriel Boselli, ex-XP e atual gestor da área de Venture Builder da Riza Asset Management, responsável pela gestão da nova investida, também pontua sobre o momento: “A busca por novos horizontes criou a parceria Riza Asset e Foot Table. Com ela, vem o desafio de disseminar um novo e promissor esporte, através de talentos, tecnologia e uma cultura de excelência.”

O que é o Foot Table

O FOOT TABLE é um novo esporte de origem brasileira que surgiu no início de 2021, e que por conta das suas configurações simples de jogo, está rapidamente conquistando o interesse dos boleiros com alguma habilidade.

A brincadeira se utiliza de uma mesa específica para a prática do esporte e já conta inclusive com uma arena delimitada para sua prática. A arena foi projetada em formato octogonal e paredes de vidro temperado que servem como recurso durante o jogo. Além disso, as paredes trazem uma dinâmica e velocidade para o esporte que vem ganhando cada vez mais popularidade no país.

Profissionalização da brincadeira

O Foot Table iniciou o processo seu profissionalização como esporte ainda no mesmo ano de sua criação, e de lá para cá, já realizou mais de 12 torneios pelas principais capitais brasileiras até o dia de hoje, contando com a participação de mais de 3000 atletas.

Outro indicativo definitivo de que a brincadeira está ficando séria é o anúncio da 1ª Etapa do Circuito Brasileiro de Foot Table, marcada para ocorrer neste próximo final de semana (1 e 2 de abril), no Ginásio Poliesportivo José Correa em Barueri.

O Circuito contará com 7 etapas nas principais capitais brasileiras e o 1º Campeonato Mundial de Foot Table, que tem como um único objetivo; se tornar o primeiro esporte de origem brasileira nos Jogos Olímpicos.

Onde a brincadeira quer chegar?

Depois de se profissionalizar, o ponto alto de toda modalidade esportiva é, em algum momento, protagonizar uma competição mundial, e mais adiante, ser digna de entrar no nobre hall das modalidades olímpicas.

E esse é exatamente o objetivo já declarado pelos criadores do Foot Table. “Nosso objetivo é crescer a modalidade pelo mundo inteiro, possibilitando jovens e adolescentes a sonharem mais alto através da profissionalização desse esporte. Saber que mudamos vidas com o Foot Table é o que nos motiva a colocar o esporte em um patamar mundial.” afirma Fabio Villas. E se a ideia é sonhar alto, pensar nisso como um jogo de videogame em algum momento também não está descartado.

CONTEÚDO RELACIONADO