Publicidade
Streaming

Seriado de The Last of Us terá diálogos do game, mas aponta “desvios”

Diretor do game comentou sobre os elementos em comum que haverão entre o seriado da HBO e os games
Gostou? Compartilhe!
The Last of Us
(Reprodução/Montagem)
Publicidade

Desde que o seriado de The Last of Us foi confirmado, os fãs não param de imaginar como isso ficará em carne, osso e, claro, roteiro. E após a confirmação do elenco ser divulgada, agora é a vez de imaginar esse pessoal na pele dos personagens e também o cenário no qual tudo isso será ambientado. Quanto à essas duas coisas, o diretor Neill Druckmann tirou algumas dúvidas recentemente.

Primeiro, Neil afirmou algo que certamente pode ser bem visto pelos fãs no seriado, que é o aproveitamento de alguns diálogos existentes no game. “É engraçado ver meu diálogo lá dos jogos nos roteiros da HBO” disse o diretor, que adaptou a obra do game juntamente com Craig Mazin.

Contudo, vale lembrar que toda adaptação de game para outras mídias sofre alterações significativas em alguma parte desse conteúdo, e com o game dirigido por Neil não será diferente. De acordo com a dupla, muita coisa dos diálogos e até das próprias cenas de ação foi repensada para que o efeito final da tela ficasse mais pertinente aos olhos de quem assiste.

Continua depois da Publicidade

“Às vezes eles se desviam bastante coisa para gerar um efeito muito melhor, porque estamos lidando com um meio diferente.” Diz Druckmann, que segue explicando outros conceitos trabalhados com Craig Mazin: “Conversamos longamente [que a primeira temporada do programa será [o primeiro jogo]”, disse Druckmann, acrescentando que para ele e Mazin, “os fundamentos filosóficos da história” foram o elemento mais importante para acertar a adaptação.

Elementos superficiais

Outro ponto levantado por Neil sobre o que pode entrar ou não nesse projeto pode dividir opiniões. Para ele, as clássicas roupas de Joel e Ellie, por exemplo, podem não ser elementos indispensáveis, dado que existem outras prioridades a serem trabalhadas.

“No que diz respeito às coisas superficiais, tipo deve [um personagem] usar a mesma camisa xadrez ou a mesma camisa vermelha? Eles podem ou não aparecer nele, isso é muito menos importante para nós do que obter o núcleo de quem são essas pessoas e o núcleo de sua jornada.”

“Por exemplo, no jogo, há tanta ação que você precisa para treinar o jogador sobre a mecânica. Você tem que ter mais violência e mais espetáculo em algum grau do que você precisaria em um programa de TV, porque você não precisa treinar as pessoas sobre como usar uma arma.

“Então isso é algo que tem sido realmente diferente, e a HBO tem sido ótima em nos empurrar para nos afastarmos da ação hardcore e nos concentrarmos mais no drama do personagem. Alguns dos meus episódios favoritos até agora se desviaram muito da história, e mal posso esperar que as pessoas os vejam. ”

A adaptação de The Last of Us para seriado no canal HBO será a primeira série de televisão feita pela PlayStation Productions. Por enquanto, o projeto seguem sem uma data cravada para estrear no canal de assinatura. Confira aqui informações sobre o elenco.

CONTEÚDO RELACIONADO