Publicidade
Sério?

Rapper não vê seu nome nos créditos do filme de Mario e desabafa no Twitter

Filme menciona apenas que a música é do Nintendo 64.
Gostou? Compartilhe!
Super Mario Bros O Filme
(Imagem: Divulgação)
Publicidade

O compositor de rap de Donkey Kong, Grant Kirkhope, criticou o filme de Super Mario Bros. por não incluir seu nome nos créditos. DK Rap foi o tema de introdução do clássico Donkey Kong 64 de 1999 para o Nintendo 64. Kirkhope compôs a faixa com o designer da Rare, George Andreas, que também cantou as letras.

A melodia cativante descreveu os cinco personagens jogáveis: Donkey Kong, Diddy Kong, Tiny Kong, Lanky Kong e Chunky Kong. Desta vez, o DK Rap apareceu em The Super Mario Bros. Movie durante a introdução de Donkey Kong. No entanto, o filme não incluiu o nome de Kirkhope nos créditos e disse que o DK Rap era apenas “de Donkey Kong 64”.

Kirkhope está desapontado com a ausência de crédito de The Super Mario Bros. Movie

Kirkhope reagiu à informação desanimadora no Twitter. Em um tweet inicial, o compositor descreveu sua omissão dos créditos de The Super Mario Bros. Movie como “deprimente”. Além disso, ele esperava ansiosamente que a produção acenasse com seu crédito de composição. Confira abaixo o tweet do compositor.

Continua depois da Publicidade

Anteriormente, Kirkhope expressou empolgação com a escalação de Seth Rogen como Donkey Kong e a inclusão do DK Rap. “Se você tivesse me dito em 97, quando escrevi a pior faixa de rap da história das faixas de rap, que ela seria em um filme de Mario Bros, eu teria explodido de emoção”, disse ele. “Viva o DK Rap!”

Lógico que os fãs não deixaram de comentar sobre o assunto:

Além disso, o usuário do Twitter atelierjoshua perguntou se The Super Mario Bros. Movie reconhecia Koji Kondo ou outros compositores originais. Kondo foi responsável por escrever músicas de videogames como o tema do mundo de Super Mario e várias faixas de Zelda.

Aqueles que já haviam assistido ao filme confirmaram que o nome de Kondo foi mencionado. No entanto, Kondo trabalhou com a equipe de produção para refazer a música de The Super Mario Bros. Movie. Além da omissão de Kirkhope, um fã alegou que os nomes dos compositores japoneses de Bowser’s Fury não apareceram.

Via: Eurogamer/Dexerto/Twitter

CONTEÚDO RELACIONADO