Publicidade
Assista ao vídeo

Switch: Adolescente que espancou professora por causa do console pode pegar 30 anos de prisão

Um adolescente que espancou sua professora até deixá-la inconsciente por causa de uma disputa de um Nintendo Switch está enfrentando uma grave pena de prisão depois de comparecer ao tribunal. Agressão foi filmada, confira.
Gostou? Compartilhe!
Brendan Depa Nintendo Switch
(Imagem: Divulgação)
Publicidade

O adolescente da Flórida, Brendan Depa, que espancou sua professor até deixá-la inconsciente por causa de uma disputa de um Nintendo Switch, não contesta a carga usada resultante e, consequentemente, agora enfrenta grave pena de prisão. Ele aguarda o veredicto da sentença de prisão, prevista para o início de 2024.

Na manhã de 21 de fevereiro, Depa agrediu brutalmente uma funcionária da Matanzas High School que tentou impedi-lo de usar seu Nintendo Switch nas aulas. Embora tenha sido originalmente relatado que a vítima, Joan Naydich, confiscou seu videogame, a profissional mais tarde negou a afirmação, testemunhando como ela simplesmente perguntou por que ele estava jogando videogame nas aulas.

A pergunta supostamente irritou seu ex-aluno, que começou a xingá-la, o que levou Naydich a se dirigir ao gabinete do reitor. Foi então que Depa a agrediu, conforme pedido de liminar de proteção que ela posteriormente apresentou contra o réu. Depa apareceu diante do juiz Terence Perkins no Kim C. Hammond Justice Center em Bunnell na segunda-feira, 30 de outubro.

Continua depois da Publicidade

Ele entrou com um apelo aberto sem contestação, o que significa que aceitará qualquer condenação decorrente do caso, mas evitará uma admissão factual de culpa. O vídeo do incidente brutal capturado por uma câmera de segurança da escola foi a principal prova que facilitou o processo. O juiz Perkins agendou a sentença de Depa para 31 de janeiro, conforme relatado pela primeira vez pelo The Daytona Beach News-Journal.

Na Florida, crimes violentos deste tipo podem resultar em até um ano de prisão por agressão doméstica, até uma pena mínima de 15 anos por agressão agravada, o que normalmente é classificado como crime de segundo grau. No entanto, como Depa está sendo acusado de agressão agravada em primeiro grau, ele pode pegar até 30 anos de prisão.

A duração exata de sua sentença dependerá de como o juiz decidir aplicar o Estatuto da Flórida 775.087, também conhecido como lei 10-20-Life, que dá aos tribunais muita flexibilidade nas sentenças por crimes.

Via: The Daytona Beach News-Journal/Game Rant/X

CONTEÚDO RELACIONADO