GDC

A Eletronic Arts é mais uma das empresas que decidem faltar na GDC por causa da epidemia do Coronavírus. Ela segue os passos da Playstation, Facebook, e Kojima Productions, que também vão faltar na conferência do próximo mês.

Temos seguido a situação de saúde no mundo inteiro com o coronavírus e com o aumento recente de regiões afetadas, nós decidimos tomar novas medidas para proteger o bem-estar de nossos empregados, incluindo uma restrição em quaisquer viagens não essenciais.” declarou a EA durante uma entrevista ao Gamespot.

Por isso, estamos cancelando nossa presença na GDC e limitando nossa presença em outros eventos. Nós estamos monitorando a situação e vamos ajustar as orientações aos nossos empregados quando for apropriado.”

Com a perda da EA, isso quer dizer que a BioWare, DICE e Respawn também vão faltar no evento. A empresa estava agendada para dar várias palestras, incluindo uma chamada Organização do Estúdio EA: Lições Aprendidas, que teria cinco palestrantes da empresa.

Medidas que a GDC está tomando

A GDC está tentando manter a situação sob controle. Desde o cancelamento de Playstation e Facebook na semana passada, a organização do evento tem falado que o evento vai continuar, enfatizando que segue as medidas de prevenção do governo americano e.

Nós acreditamos que, baseado nas quarentenas restritas nos EUA envolvendo o coronavírus e o grande número de melhoras no local do evento, nós conseguimos fazer um evento seguro e bem-sucedido para a nossa comunidade.” diz a organização. “Localmente, o Departamento de Saúde do Estado da Califórnia e da Cidade de São Francisco estão dando suporte para garantir a segurança de eventos públicos.” concluem.

Vale lembrar que todos os eventos que atraiam públicos de vários países tem sofrido por conta do surto do vírus que tem se alastrado pelo mundo nas últimas semanas. A PAX East, por exemplo, também tem sofrido com a epidemia, e se ela continuar, é possível que acabe afetando a E3 também.