SONIC and Ben Schwartz
Imagem: Photo by Willy Sanjuan/ Divulgação.

Embora o assunto acerca do design de Sonic já esteja à essa altura do campeonato considerado algo esgotado, algumas poucas vozes ainda não foram ouvidas acerca da polêmica em torno do visual original sugerido para o primeiro filme do ouriço. A voz de Ben Schwartz, que deu fala a Sonic no filme, por exemplo, ainda não tinha emitido sua opinião.

Ben falou sobre vários assuntos durante uma entrevista para um podcast,  mas não se esquivou de dizer o que achou do polêmico primeiro visual de Sonic, ainda que tenha sido consideravelmente “político”. Confira alguns trechos abaixo:

A maneira como eu o vi pela primeira vez, acho que estava no trailer. Eu tinha que fazer ADR para o trailer real, porque até então estava tudo muito temporário”, disse Schwartz.  Nota: ADR (Automated Dialog Replacement) é processo de regravar o diálogo feito pelo ator original (ou ator substituto) após o processo de filmagem para melhorar a qualidade do áudio ou refletir sobre possíveis alterações no diálogo.

Mas acredito que o trailer teve que ser feito muito rapidamente ou algo assim. Então, a primeira vez que o vi foi ali. Antes de tudo, não o fizemos sabemos se alguém se importaria. Nós nos importamos porque gostamos de videogames e filmes, mas o mais importante que aprendemos com isso foi que, quando saiu, muitas pessoas eram tão vocais e se tornaram uma coisa enorme.

Pode não ter sido a razão mais positiva pela qual foi difundida, mas foi difundida tanto e as pessoas tiveram idéias muito apaixonadas por isso. A maior coisa que aprendemos foi ‘Oh, as pessoas se importam muito.

Ator entende os desafios de adaptação

A grande questão para os desenvolvedores era ‘como você traz Sonic para o mundo real’? Porque ele é um personagem de computador, você não pode simplesmente trazê-lo. Como ele ficará em uma situação da vida real?

Por fim, Ben afirma ainda no podcast que nada de sua performance vocal precisou mudar após a apresentação do novo design. Lançado o filme, Sonic se tornou em poucas semanas a melhor estreia de uma adaptação de videogame para os cinemas.

O filme vinha bem, mas o surto de COVID-19 logo se transformou em pandemia, fechando cinemas e obrigado o ouriço a sair correndo para o Blu-Ray.