FER CSGO
Imagem: Reprodução/FACEIT

As coisas estão oficial e abertamente ruins na MIBR, que esse ano está sofrendo como nunca no Counter-Strike: Global Odeffensive (CS:GO). Desta vez, Fernando “fer” foi mais um integrante da MIBR não poupou autocríticas após mais uma derrota.

Nesta segunda-feira, Fer admitiu que o rendimento da equipe está aquém do esperado, sobretudo quando se compara com um passado não muito distante. Durante uma stream realizada pelo pro-player, ele disparou alguns pensamentos duros quanto ao atual momento. Confira alguns trechos:

Os outros estão melhores

“[Os adversários] estão melhores do que nós. Já aceitei que não somos o mesmo time de antes e não são os mesmos jogadores de antigamente. Eu sei que a gente não está no nível de um time do tier 1”.

Fer em ação pelo MIBR na Blast Premier Spring 2020 — Foto: Jack Howard / Blast Premier
Fer em ação pelo MIBR na Blast Premier Spring 2020 — Foto: Jack Howard / Blast Premier

Desânimo

Eu fico triste quando eu perco. Não gosto de perder e nunca gostei. Mas hoje em dia eu tenho que ficar feliz com uma performance boa do time mesmo que a gente não acabe ganhando. O progresso é importante e temos que respeitar esse progresso um pouco, mesmo perdendo. Às vezes desanima, não vou mentir” concluiu.

Mal acostumados

Eu falo muito sobre isso: quando você ganha muito e começa a perder, é muito pior do quando você nunca ganha nada porque quando você nunca ganha nada é sempre um progresso e aí, quando perde, fica numa boa. Mas quando você ganha muita coisa e começa a perder, você sente muito mais porque você espera pela vitória.