wii u the legend of zelda
Imagem: Reprodução.

O Wii U já faz parte de um passado distante para a Nintendo, que não viu nas suas vendas nada perto do que tem feito seu atual console, o portátil Nintendo Switch. Contudo, a boa biblioteca de jogos do Wii U é algo que certamente deixou um saldo interessante de ser conferido sempre que possível.

E aos que fazem uso do CEMU, emulador do console em questão, sempre conseguem revisitar seus games preferidos. E embora o emulador quebre um galho, ele ainda apresentava alguns desconfortos. Mas parece que isso foi corrigido agora.

A versão 1.18.0 tem como principal destaque uma experiência mais estável para computadores de hardware mais modestos. Uma grande prova disso é o exigente The Legend of Zelda: Breath of the Wild, que já roda “liso” no Cemu, tanto em 30 quanto em 60 fps em máquinas mais avançadas.

Os desenvolvedores divulgaram um vídeo review onde demonstram o poder da atual versão enquanto rodam clássicos como Mario Tennis Aces. Confira:

Requisitos de sistema

Windows 7 (x64) ou superior ao
mínimo do OpenGL 4.1 (4.6 é usado, se disponível)
RAM: 4 GB no mínimo, 8 GB ou mais recomendado
Microsoft Visual C ++ 2017 X64 redistribuível: vc_redist.x64.exe

Compatibilidade com placa gráfica

GPU NVIDIA: Executa conforme o esperado no driver mais recente.
AMD GPU: executa conforme o esperado no driver mais recente
Intel GPU: não é oficialmente suportado. Falhas visuais pesadas.

 Último lançamento

Cemu 1.18.0c (03/04 2020)

 Entrada do controlador

Atualmente, o DRC (GamePad), o Pro Controller e o Classic Controller são emulados. Os Wiimotes também são emulados (incluindo suporte nativo). Entrada de teclado + controladores USB como dispositivos de entrada são suportados. A entrada de toque do GamePad pode ser controlada via clique esquerdo do mouse. A funcionalidade Gyro é emulada com limitações e pode ser controlada através do botão direito do mouse.