CAIO batman e scorpion
Você aceitaria elogios de quem criou Mortal Kombat e de quem fez trilhas sonoras para Batman? Montagem: Divulgação.

A internet está cheia de talentos musicais que compartilham as suas performances pelas redes sociais a cada oportunidade. E entre likes e deslikes, o feedback desses músicos costuma se dividir entre o antes e depois que o responsável pelo tema original elogia seu trabalho. E é nesse momento que o brasileiro Caio Gaona se encontra.

Brasileiro de São Paulo e apaixonado por música desde criança, Caio (29), toca bateria desde os 15 e hoje atua como professor de música, mas é justamente em alguns momentos de folga que Caio empunha novamente as baquetas para que elas reproduzam as trilhas sonoras favoritas do músico: a dos games.

A brincadeira surgiu em 2013, quando o baterista geek assistiu “Pacific Rim” e decidiu gravar o cover. “Na época, eu tocava em uma banda de heavy metal e esse projeto seria apenas uma brincadeira, mas após a divulgação de um grande site nacional, o projeto explodiu. E depois disso, muita coisa legal aconteceu, culminando em um trabalho para o filme Guardiões da Galaxia, onde eu e minha banda tocamos o filme todo ao vivo.” conta Caio.

Nível Hard

Assim como muitos músicos amadores e profissionais devem saber, gravar um cover é um trabalho de nível hard muitas vezes. Para Caio, o desafio foi com as trilhas de Star Wars. “Os ritmos são bem quebrados, e como não foi gravado com metrônomo, eu tive que me virar para fazer algo que se encaixasse na melodia.” justifica o baterista, citando também o tema de John-117, como um desafio pessoal. “Halo, por exemplo, também deu um trabalhão, porque eu desejava fazer algo diferenciado, algo que não caísse na mesmice.

Tocar ajuda

Muitas pessoas usam a música como terapia para tratar das mais variadas angústias possíveis. Para Caio, as baquetas também batem na depressão e ansiedade, doenças que lhe afligem há alguns anos. “Tocar me ajuda muito principalmente no projeto Geek Batera.

Maior dificuldade

Entre viradas rápidas e improvisos técnicos, a maior dificuldade desse trabalho todo é a mesma que atinge outros artistas. “Com certeza a parte financeira. Como trabalho com música, nem sempre sei exatamente quanto vou ganhar no mês. Logo, às vezes tenho alguns problemas para investir na produção de vídeos.

Atualmente, quem edita é um amigo meu, chamado Wesley Carlos, mas lá no início, era um editor chamado André Oliveira, um monstro da edição que chegou a trabalhar na O2 filmes.

Feedback de respeito

Todos os feedbacks contam, mas é nos de quem fez conteúdos originais e de respeito que a coisa fica séria. E desses, Caio coleciona alguns prints dignos de serem pendurados na parede. Dentre eles, o episódio com Ed Boon, de fato, faz a linha do “esse dia foi loko”.

Então, uma vez resolvi mandar o link do meu vídeo para ele pelo twitter antes de lançar o Mortal Kombat X. Ele viu e logo compartilhou meu vídeo para anunciar um personagem do MKX, “Drammin” Fez uma brincadeira “Wow your Drammin is amazing” Conta Caio aos risos.

Você aceitaria um elogio de alguém que faz trilhas sonoras para Batman?

Fora ele ainda houve Vincent Di Onnofrio (Rei do Crime de Daredevil) Elodie Yung (Elektra de Daredevil), Krysten Ritter (Jessica Jones), Stephen Amell (Arqueiro Verde) e Grant Gustin (The Flash). Mas o ápice de tudo isso foi um convite do compositor da trilha sonora do Arrowverse, que me chamou para gravar linhas de bateria em temas de série. Infelizmente, isso foi negado negado pela Warner após ser gravado, mas você consegue ouvir na trilha sonora de Crise nas Infinitas Terras alguns arranjos meus.”

Referências

Além de estar na banda Triscore, o baterista aprecia ainda bandas que passeiam pela temática em questão, como Galact Empire, Two Steps From Hell, Mega Driver, Super Smash Bros, Game Boys e Vivalma.

Next Challenge

Em tempos de quarentena, o baterista promete produzir bastante. “Atualmente estou lançando coisas no formato “Em Casa”, que consiste em gravar na bateria eletrônica temas que eu sempre tive vontade de gravar, mas nunca a oportunidade e fora esses videos gravarei em breve : Seigi No shikkou: Trilha Incidental de One Punch Manalguns clipping.” Confira o link abaixo:

Todo o trabalho do músico pode ser conferido em seu canal oficial do Youtube.