E3 nega evento pago para edição de 2021

Uma grande empresa de jogos fez duras críticas ao estilo de abordagem

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Nessa quinta (01), a Entertainment Software Association, empresa por trás da E3, veio a público negar relatos que parte do conteúdo exibido em seu evento será pago.

De acordo com o relatório divulgado pelo VGC, anteriormente, diversas fontes alegaram que a edição digital de 2021 teria um pacote “premium”, avaliado em U$ 35 dólares, que traria acesso “extra” ao evento.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Após a notícia ganhar fama, a ESA emitiu nota negando que haveria um conteúdo pago. “Posso confirmar em nome da ESA que não haverá elementos no E3 2021 que estarão por trás de um passe pago ou de acesso pago”, disse um porta-voz à VGC.

Ainda de acordo com o site, uma ‘grande empresa de jogos‘ (não citada) teceu severas críticas ao plano de acesso pago, além de sugerir que a ESA estava dando indícios de desistência da proposta.

Intitulada agora como Electronic Entertainment Experience (Experiência de entretenimento eletrônico), a E3 tem início previsto para 13 de junho, ocorrendo durante uma semana.

Via: Andy Robinson/VGC
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio