Entenda porque Fortnite está causando atritos entre Google e a Epic Games

Publicado em 22/4/2020
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Após 18 meses, finalmente a Epic Games disponibilizou Fortnite para download via Google Play Store. Contudo, o estúdio não está lá muito satisfeito com isso.

Desde que Fortnite foi lançado, a Epic Games sempre evitou disponibilizar o download de seu jogo via Google Play Store, para evitar que a gigante buscadora mordesse sua parte durante processo de busca pelo jogo.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Com o jogo em alta na época, isso fazia muito sentido para a Epic Games, já que os internautas sabiam exatamente onde ir para baixar o game, que era na página oficial do jogo. Contudo, passada a euforia máxima, 18 meses depois, ambas as apartes chegaram a um consenso, e o jogo foi disponibilizado na plataforma Google Play Store. Mas parece que algo não estava previsto pelo alto escalão da Epic Games. O porta-voz da empresa ouvido pelo techcrunch explica:

“O Google coloca em desvantagem o software para download fora do Google Play, por meio de medidas técnicas e comerciais, como assustadores e repetitivos pop-ups de segurança para software baixado e atualizado, acordos e transações restritivas de fabricantes e operadoras, relações públicas do Google caracterizando fontes de software de terceiros como malware e novos esforços, como o Google Play Protect, para bloquear completamente o software obtido fora da loja Google Play. Por isso, lançamos o Fortnite para Android na Google Play Store.”

Lucro e vírus

A manutenção de Fortnite fora da Play Store foi uma clara ameaça aos lucros do aplicativo do Google, embora o próprio Google tenha argumentado que o download fora de sua loja representava um risco à segurança dos usuários, que poderiam baixar malwares sem saber.

Do outro lado, a Epic Games está insatisfeita com a quantidade de barreiras impostas pelo Google para impedir que os usuários baixem o jogo de seu próprio site, assim como os avisos de segurança que o Android envia, mesmo com o editor sendo considerado confiável.

Diante disso, a Google estaria levando vantagem, deixando a Epic Games muito insatisfeita com essa situação, e a sua nota deixa isso muito claro.

Esperamos que o Google revise suas políticas e negócios em um futuro próximo, para que todos os desenvolvedores tenham liberdade de entrar e negociar com clientes no Android e na Play Store por meio de serviços abertos, incluindo serviços de pagamento, que podem competir em condições equitativas“, conclui a nota da Epic Games.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio