Publicidade
CONFIRA

Juiz decide processo de R$ 2,5 bilhões envolvendo controle de PlayStation

Caso encerrado.
Gostou? Compartilhe!
Sony
(Imagem: Sony)
Publicidade

A Sony ganhou um processo de violação de patente no valor de US$ 500 milhões. A Genuine Enabling Technology acusou a Sony de infringir sua patente sobre um método de comunicação controlador para consoles PlayStation. No entanto, um juiz dos EUA decidiu a favor da Sony, afirmando que a GET não apresentou evidências suficientes para apoiar suas alegações.

A patente em questão referia-se a um método para produzir e recuperar um fluxo de dados combinado a partir de entradas do usuário e sinais de entrada. A Sony argumentou que os controles PlayStation não eram estruturalmente equivalentes aos diagramas apresentados na patente da GET.

O juiz responsável pelo caso determinou que a GET não conseguiu levantar uma disputa de fato, concedendo um julgamento sumário de não infração à Sony. Com isso, o caso foi encerrado.

Continua depois da Publicidade

Embora a GET tenha tentado processar também a Nintendo por questões semelhantes, o resultado deste caso ainda está pendente, após uma reversão da decisão inicial do juiz pelo Tribunal de Apelações em 2022.

CONTEÚDO RELACIONADO