Isadora Basile
Imagem/ Divulgação: Isadora Basile

A apresentadora oficial do Xbox Brasil, Isadora Basile, anunciou perto da noite dessa sexta-feira (16) que não irá mais representar os consoles da Microsoft, sendo desligada de sua função.

De acordo com sua postagem oficial sobre o ocorrido, a decisão foi tomada como a “melhor opção” pela própria Microsoft, dado os problemas que vinha tendo em suas redes, que já foram de assédio a ameaça de morte.

“Não sou mais apresentadora da Xbox Brasil. No início de setembro, quando anunciei meu novo trabalho, sofri ataques de todos os tipos, desde pessoas falando que eu não jogava jogo x ou y e por isso não era “digna” do meu cargo, até ameaças de estupro, morte e julgamentos por expor situações mais tensas. Graças ao apoio da minha família, namorado e amigos, aprendi a lidar bem com isso com o passar do tempo, mas isso não significa que não estava mais acontecendo.

Devido a todos esses ataques, a Microsoft encontrou como melhor opção me desligar do cargo de apresentadora para que eu não esteja mais exposta a situações como essas que se passaram. Respeito a decisão da marca.
Meu amor pela Xbox/Microsoft continua firme, como sempre esteve.
Obrigada.”

Entenda o caso:

No dia 4 de setembro desse ano, Isadora anunciou que se tornaria a nova apresentadora da Xbox Brasil, e se mostrava empolgada com o momento vivido, já que representaria a empresa via canal oficial do YouTube.

Porém, ao decorrer de setembro a streamer relatou que estava recebendo diversas ameaças e mensagens machistas e também de assédio sexual, pelos eventos que fosse. O post acabou também levantando debates sobre o comportamento tóxico de parte da comunidade gamer.

Oficialmente tendo iniciado a caminhada juntamente a XBOX no dia 4 de setembro, Isadora Basile passou durante 41 dias ou 1 mês e 11 dias apenas representando a marca.

A Microsoft até o momento não se pronunciou sobre a situação.

Leia também: