Saga
Imagem: Saga

A maior parte do público gamer casual é feminino e a plataforma preferida de jogo é o smartphone“. Essa é uma das conclusões da sétima edição da PGB – Pesquisa Game Brasil 2020, recentemente divulgada. Ainda segundo a PGB Brasil, 69,8% das mulheres jogam games.

Mas, felizmente, neste mercado as mulheres têm destaque não apenas como jogadoras, mas também no desenvolvimento de games e na criação de conteúdo gamer. No SAGA Talks dessa semana, por exemplo, Eliane Pacheco, gerente de marketing da OEX Game, e Cláudia Mazzuco, professora da SAGA, mostram que as mulheres estão no controle com um divertido e inteligente bate-papo sobre o mercado de games e o universo feminino.

O programa será transmitido ao vivo nesta quinta-feira (9/7), às 19h, no canal do YouTube da SAGA, a rede de escolas de desenvolvimento de games, arte digital, design e efeitos visuais do Brasil, e intermediado pelo coordenador de evento da escola, Rafa Noga, que além de conversar sobre o universo gamer e a carreira das convidadas, abrirá espaço para perguntas dos espectadores.

Sobre a SAGA (School of Art, Game and Animation) – Pioneira no ensino de desenvolvimento de jogos, a SAGA já transformou milhares de jovens em profissionais qualificados e competitivos. Criada em 2001, inicialmente com outro nome e focada no treinamento em informática, hoje é um Centro de Treinamento Autorizado da Adobe e da Autodesk, Academic Partner da Unreal Engine, Pixologic e Allegorithmic, e referência nacional em cursos de games e animação, com cerca de 20 mil alunos e 16 unidades: Lapa, Paraíso, Santana, Santo Amaro e Tatuapé na capital Paulista; Centro, em Guarulhos; Centro, em Campinas; Jardim Satélite, em São José dos Campos/SP; Centro, em Santo André/SP; Pituba, em Salvador/BA; Boa Viagem, em Recife/PE, Taguatinga, em Brasília/DF; Centro, em Belo Horizonte/MG, Centro, em Goiânia/GO, Centro em Florianópolis/SC e Centro Histórico em Porto Alegre/RS. Todas as unidades contam com professores altamente qualificados, atendimento pedagógico, material didático digital, laboratórios equipados com as mais avançadas ferramentas de software, equipamentos de última geração como mesas digitalizadoras e workstations com iluminação especial para desenho, e oferecem o curso Start, de computação gráfica para iniciantes. As unidades da SAGA da Lapa, Santo Amaro e Tatuapé, em São Paulo, e de Belo Horizonte, Salvador e Recife também oferecem o curso de desenvolvimento de jogos, Playgame. A SAGA também idealizou e promove o The Union, maior evento de computação gráfica do Brasil, e, em parceria inédita com a Gnomon School of Visual Effects, de Hollywood – EUA, criou a AXIS, escola internacional de arte digital localizada no bairro do Paraíso, em São Paulo. Veja mais sobre a Saga em http://www.saga.art.br.

Leia também: