Publicidade
CONFIRA

Square Enix planeja realizar demissões em massa nos EUA e na Europa

Após um trimestre de baixa performance e a decisão de alterar sua linha de negócios, incluindo o cancelamento de jogos, a Square Enix planeja demissões nas divisões ocidentais
Gostou? Compartilhe!
Square Enix
Imagem: Divulgação
Publicidade

A semana tem sido desafiadora para a Square Enix. Após uma queda de 16% nas ações, surgiram informações sobre demissões nas divisões dos EUA e Europa, como parte de um plano de reestruturação estratégica da empresa. Sabemos também que muitas empresas da indústria aplicaram essa “reestruturação” em suas escritórios.

A nova diretriz da Square Enix, intitulada “Square Enix Reboots and Awakens”, visa focar no lançamento de jogos AAA multiplataforma, marcando o fim das exclusividades temporárias em títulos como Final Fantasy. As demissões em massa estão possivelmente ligadas ao cancelamento de diversos jogos como parte dessa nova estratégia, além de um prejuízo de US$ 140 milhões associado a esses cancelamentos.

As divisões ocidentais da Square Enix, especificamente nos setores de TI e editorial nos Estados Unidos e Europa, devem ser as mais afetadas pelas demissões. A companhia ainda não revelou quantos funcionários serão demitidos. A estratégia atual da empresa é lançar títulos que garantam a animação e aumentem a lealdade à marca, com uma prioridade em trazer os jogos diretamente aos consumidores e fortalecer os pontos de contato com eles, adotando uma abordagem multiplataforma.

Além dos cortes, a situação dos principais títulos da franquia Final Fantasy também não está favorável. Segundo Takashi Mochizuki do portal Bloomberg, tanto Final Fantasy XVI quanto FF VII Rebirth não alcançaram as metas de vendas esperadas, apesar de não terem tido vendas ruins. Este desempenho aquém das expectativas pode ter sido um fator decisivo para a Square Enix alterar seu modelo de lançamentos, agora com foco em jogos AAA multiplataforma.

CONTEÚDO RELACIONADO