Publicidade
Anote na agenda

Steam não terá mais suporte para certas versões do Windows

A Valve anunciou e explicou porque o Steam não oferecerá mais suporte a certas versões antigas do Windows.
Gostou? Compartilhe!
Steam
(Imagem: Valve)
Publicidade

A Valve anunciou oficialmente que o Steam não suportará mais o Windows 7 e 8 a partir do próximo ano. O cliente de jogos para PC mais popular do mercado tem sido uma instalação fundamental para praticamente todos os jogadores do mundo, seja por suas ofertas free-to-play ou suas vendas estelares, mas em breve, nada disso estará disponível nas versões legadas do sistema operacional Windows.

O Steam foi lançado pela primeira vez em 2003 com críticas bastante generalizadas, pois marcou a primeira vez que uma empresa ofereceria sua própria entrega de conteúdo integrado e serviço de DRM para os usuários instalarem. Levou tempo e esforço para que ele se tornasse o aplicativo de biblioteca de jogos que os usuários conhecem hoje e, por uma questão de segurança, a Valve acredita que agora é a hora de deixar para trás algumas das versões mais antigas do sistema operacional da Microsoft.

Quando o Steam deixará de aceitar o Windows 7 e 8

De acordo com o anúncio oficial da Valve, o Steam não suportará mais os sistemas operacionais Windows 7, Windows 8 e Windows 8.1 a partir de 1º de janeiro de 2024. A Valve explicou que o raciocínio para isso é duplo, já que não apenas o próprio Steam é executado no Chromium, que não funciona mais em instalações antigas do Windows, mas também exigirá o recurso e as atualizações de segurança mais recentes do Windows.

Continua depois da Publicidade

Estes, é claro, só estão disponíveis no Windows 10 atualizado e mais recente, o que significa que os próximos eventos de venda do Steam de 2023 marcarão o impulso final para jogos baseados no Steam nas versões 7, 8 e 8.1 do Windows. Embora alguns dos jogadores que se lembram de como era o Steam há quase 20 anos ainda possam estar usando versões legadas do Windows por uma variedade de razões, é desnecessário dizer que isso é um enorme risco de segurança nos dias de hoje.

Abandonar o suporte para versões pré-10 do Windows era de se esperar, e como a Valve está dando a todos um heads-up bastante decente sobre o que está prestes a acontecer, é improvável que alguém seja surpreendido por essa mudança.

Via: Game Rant/Valve

CONTEÚDO RELACIONADO