Após ameaças de estupro, diretor de próximo God of War detona internautas

É inacreditável.

Publicado em 4/6/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Recentemente, os fãs da franquia God os War receberam duas notícias sobre a próxima aventura de Kratos. Uma delas foi a de que o game, provisoriamente chamado de God of War: Ragnarok, seria lançado também para PS4, já a outra notícia foi de que ambos os títulos só chegarão ao mercado em 2022. E entre reações mistas, alguns internautas foram até as redes sociais de membros da equipe do jogo para criticá-los. Contudo, parte disso acabou passando do ponto e irritando Cory Barlog, diretor do jogo.

Sério, isso é uma MERDA! Você quer ficar bravo com alguém por QUALQUER COISA GOW relacionado – o atraso, ps4, PS5, trolls, tamanho da legenda, Sigrun, sei lá – fique bravo comigo. Eu ordenei essas coisas. Eu fiz isso. Não incomode a equipe, todos eles são pessoas muito boas e fazendo um ótimo trabalho.” esbravejou o diretor.

A mensagem que Cory usou como ilustração foi a de uma das mulheres que trabalha no desenvolvimento do game, Alanah Pearce, que tem relatado mensagens abusivas de pessoas que tem ido ate seu perfil lhe ameaçar de várias maneiras. Além dela, outros membros do estúdio Santa Monica, onde o game está sendo desenvolvido, também relataram ataques.

Alanah, que recentemente foi contratada em primeiro lugar na disputa por uma vaga no Santa Monica, tem rebatido com alguma ironia as mensagens tóxicas e criminosas que te recebido. Por enquanto, ainda não foi comunicado publicamente nenhum tipo de ação civil a ser contra os envolvidos nos ataques, tanto por parte dela quanto do estúdio.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio