Hideo Kojima acha estranho chamar próxima versão de seu jogo de “Versão do diretor”

Ele acredita que Director's Cut não é sobre restaurar coisas que foram removidas

Publicado em 12/7/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O diretor Hideo Kojima usou o Twitter para explicar que não concorda em chamar a próxima versão de Death Stranding para PS5 de ‘Versão do Diretor’. Ele, que escreveu, projetou e dirigiu o jogo, falou que quando um filme é chamado de Versão do Diretor, significa que a visão original do diretor foi de alguma forma comprometida, e a Versão do Diretor é essa visão original.

Ele argumenta que o Death Stranding original era sua visão, e o Director’s Cut não é sobre restaurar coisas que foram removidas, mas adicionar coisas novas em cima dele, e que talvez deva ser chamado de Director’s Plus em vez disso. Vale lembrar que o Death Stranding: Director’s Cut foi anunciado durante o Summer Games Fest Kickoff Live no mês passado.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Veja o tweet de Hideo:

O jogo vai incluir uma série de recursos novos que não estavam na versão PS4, como novas mecânicas de combate, projetadas para tornar a batalha contra os inimigos mais divertida. Os ataques corpo a corpo também foram atualizados, e uma nova ‘maser gun’ pode ser adquirida, além de claro, possuir visuais mais avançados. Ainda há uma nova área de campo de tiro, em que os jogadores podem praticar suas habilidades de pontaria em missões de treinamento.

Veja o trailer da nova versão:

Death Stranding: Director’s Cut adiciona novas ferramentas de suporte projetadas para ajudar os jogadores durante as seções de entrega, incluindo uma catapulta de carga permitindo aos jogadores disparar cargas em longas distâncias, um novo esqueleto de suporte, um ‘buddy bot’ que pode transportar os jogadores quando eles estão cansados e um salto portátil rampa que pode ser baixada para permitir que os jogadores passem por grandes lacunas. O jogo vai ser lançado no dia 24 de setembro, e será vendido por $50 dólares. Vai adquirir?

Via: Chris Scullion/VGC
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio