Sony quer que PS5 ultrapasse seu recorde de vendas no próximo ano

"Nosso suprimento não seria capaz de acompanhar a demanda”

Publicado em 25/6/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A Sony afirmou que planeja vender um número recorde de consoles PS5, durante o próximo ano. A empresa quer enviar mais de 22,6 milhões de consoles PS5 durante seu FY2022, que encerra no dia 31 de março de 2023.

Se a gigante de consoles alcançar esse número, baterá o recorde de vendas de console de 24 anos estabelecido quando o PS original vende 22,6 milhões de unidades em 1998.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Jim Ryan, CEO da PlayStation, revelou a meta de vendas do PS5 durante o dia de relações com investidores da Sony em maio, e o CEO da Sony, Kenichiro Yoshida, reiterou a informação durante a assembleia geral de acionistas da empresa. O PS2 registrou um pico de vendas anual de 22 milhões de unidades no FY02, e o PS3 de 14,4 milhões de unidades no FY10, enquanto o PS4 vendeu 20 milhões de unidades no FY16.

Veja o gráfico:

Sony (Foto: Reprodução)

A Sony falou para analistas que espera que os consoles PS5 fiquem escassos até 2021. “Não acho que a demanda esteja diminuindo este ano e mesmo se garantirmos muito mais dispositivos e produzirmos muito mais unidades do PlayStation 5 no próximo ano, nosso suprimento não seria capaz de acompanhar a demanda”, falou o CFO Hiroki Totoki, segundo a Bloomberg.

Além disso, Jim Ryan falou que a empresa está oferecendo uma perspectiva mais otimista sobre o fornecimento do PS5. “Estamos trabalhando o máximo que podemos para melhorar essa situação”, falou. “Vemos a produção aumentando durante o verão e certamente na segunda metade do ano, e esperamos ver algum tipo de retorno à normalidade em termos de equilíbrio entre oferta e demanda durante esse período”, finalizou.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio