Razer anuncia que fará máscaras cirúrgicas para ajudar na pandemia de coronavírus

Coronavírus
Publicidade

A Razer, empresa conhecida por seus periféricos de jogos e outros produtos eletrônicos relacionados, está combatendo a pandemia de coronavírus de uma maneira única, prometendo produzir suas próprias máscaras cirúrgicas para doar aos necessitados.

Min-Liang Tan, CEO da Razer, ofereceu uma atualização sobre a estratégia de coronavírus da empresa esta semana, como muitas outras já fizeram, e contou a seus seguidores o plano único que já está em andamento. Ele disse que os engenheiros e designers da Razer estão trabalhando para converter as linhas de fabricação para que possam produzir máscaras cirúrgicas, com o objetivo de doar 1 milhão de máscaras para os países em necessidade.

Tan compartilhou a atualização dos planos da Razer em um longo tópico no Twitter, onde explicou o raciocínio por trás da iniciativa e como a empresa planeja ajudar. Ele observou como outros dizem que as autoridades de saúde em todo o mundo estão enfrentando uma escassez de suprimentos médicos, principalmente quando se trata de máscaras cirúrgicas usadas por profissionais no tratamento do coronavírus.

Continua depois da publicidade

“Com o agravamento da situação do COVID-19, as autoridades de saúde em todo o mundo enfrentam uma extrema escassez de máscaras cirúrgicas usadas pela equipe de saúde da linha de frente na batalha contra o vírus. Alguns países até proibiram a exportação de máscaras diante da terrível escassez”, explica.

“Por isso, não dormi muito nos últimos dias para colocar essa iniciativa em prática, mas estou feliz em poder anunciar isso em nome da equipe aqui na @Razer”, complementa.

Publicidade
© 2021 Observatório de Games | Powered by Grupo Observatório
Site parceiro UOL
Publicidade