Rússia vs Ucrânia: Elon Musk quer salvar a Estação Espacial Internacional após ameaças russas

Elon Musk disse que a SpaceX resgatará a Estação Espacial Internacional se a Rússia sair do programa espacial após duras sanções dos EUA.

Publicado em 28/02/2022 15:38
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Elon Musk deu a entender que a SpaceX pode ajudar a resgatar a Estação Espacial Internacional (ISS) se a Rússia tentar sabotá-la após duras sanções dos EUA ao país. A ISS é um projeto colaborativo multinacional envolvendo vários países, incluindo EUA, Rússia, Japão, Canadá e a Agência Espacial Européia (ESA). Embora a cooperação entre a NASA e a Roscosmos (agência espacial russa) tenha permanecido forte apesar das graves diferenças políticas entre a Rússia e os Estados Unidos, a invasão da Ucrânia e as sanções subsequentes agora ameaçam criar danos irreparáveis ​​ao relacionamento entre as agências espaciais dos dois países.

Sabotagem

Elon Musk disse que a SpaceX virá em socorro da Estação Espacial Internacional se a Rússia tentar soltá-la de sua órbita. A resposta de Musk veio após uma tempestade de tweets irritada do chefe da agência espacial russa, Dmitry Rogozin, que reclamou das sanções dos EUA à Rússia interferindo no trabalho da agência na ISS. De acordo com Rogozin, a perícia e a tecnologia russas são necessárias não apenas para manter a ISS em funcionamento, mas também para evitar que ela saia de órbita e caia na Terra.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Se você interromper a cooperação conosco, quem salvará a ISS de uma órbita descontrolada e cairá nos Estados Unidos e na Europa?” Rogozin twittou na sexta-feira. Em resposta a esse tweet, Musk simplesmente postou um logotipo da SpaceX indicando que a empresa está pronta para assumir a responsabilidade de proteger a ISS, caso a situação o justifique.

O CEO da SpaceX também postou uma imagem alterada da ISS que mostrava a estação espacial sem o segmento russo e um SpaceX Dragon anexado em seu lugar. A Estação Espacial Internacional é dividida em duas seções: o Segmento Orbital Russo (ROS), que a Rússia opera, e o Segmento Orbital dos Estados Unidos (USOS), que os Estados Unidos e outras nações administram. Enquanto o segmento russo inclui seis módulos, o segmento norte-americano é composto por dez módulos, com serviços de suporte distribuídos entre a NASA e as agências espaciais japonesas, canadenses e europeias.

Musk muitas vezes promete soluções incríveis para problemas complexos sem sempre ter um plano claro para entregar as mercadorias. Por exemplo, quando muitos jovens na Tailândia ficaram presos em uma caverna há alguns anos, Musk prometeu resgatar as crianças, embora seus planos nunca tenham se concretizado. As crianças acabaram sendo resgatadas, não graças a Musk.

Ele também teve problemas com a Comissão de Valores Mobiliários dos EUA (SEC) e outros reguladores por falar fora de hora, mas nada disso o deteve enquanto ele continua atirando em seu pé. Quanto às consequências entre a NASA e a Roscosmos, resta saber se a agência espacial russa cumprirá sua ameaça e, em caso afirmativo, se a SpaceX ou Elon Musk serão capazes de salvar a ISS de uma morte prematura.

Via: Screen Rant/Twitter/Elon Musk

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Produtos recomendados

HD EXTERNO

Comprar

CONTROLES

Comprar

CONSOLES

Comprar

ACESSÓRIOS

Comprar

CADEIRA GAMER

Comprar

HEADSET

Comprar