PS PLUS
Imagem: Divulgação.

Confirmando os vazamentos, a Sony irá disponibilizar, a partir desta terça-feira (07), os games Uncharted 4 e Dirt Rally 2 no PS Plus, seguindo o padrão dos últimos jogos disponíveis nos meses passados.

A Sony vem com um vício nos jogos que disponibiliza para seus assinantes do PS Plus. Como nos meses de março, janeiro e nos últimos de 2019, a desenvolvedora está colocando no serviço jogos antigos ou não muito solicitados.

Segundo o portal GameRant, assim que o PlayStation 4 foi lançado, a Sony distribuía oito jogos por mês para seus assinantes. A maioria não eram grandes sucessos, mas abrangiam todos os gostos dos jogadores.

Seus próprios jogos

Se os assinantes prestarem atenção, a maioria dos games que a Sony disponibiliza no PlayStation Plus são de seus estúdios e parceiros, pois ela gasta menos dinheiro com esses “tapas buracos” e, com isso, não precisa entrar em acordo com outras desenvolvedoras para disponibilizarem seus grandes games. Sendo assim, faz sentido, em algumas meses, que ela deixe God of War gratuito.

Disponibilizar seus próprios jogos não é nenhum problema, pois diversos são grandes games, o ruim, é colocar jogos antigos em seu plano, no qual a maioria dos assinantes já conferiu.

Quem nunca teve aquela sensação de ver os jogos disponíveis para tal mês e falar: “Caraca, é agora que eu jogo esse game”? Estas reações estão cada vez menos comuns, graças a empresa.

Embora a Sony pareça manter o plano de lançar um grande jogo e outro menor para o PS Plus todos os meses, ainda há algumas coisas que podem ser feitas para melhorar o serviço, como por exemplo, pensar melhor na qualidade e quais games coloca no serviço.

Quando Bioshock e sua coleção definitiva foi adicionado no serviço, meses atrás, foi uma grande ideia. Três jogos aclamado por vários jogadores disponíveis para os assinantes.

A Sony provavelmente percebeu este sucesso e deve continuar disponibilizando coleções ou jogos parecidos com a série The Walking Dead, da Telltale.

PlayStation 5

No meio disso tudo, a empresa pretende ainda lançar em 2020 o PlayStation 5, seu console da próxima geração e mudanças devem vir no seu serviço de assinatura.

A Sony tem um milhão de possibilidades e ela precisa urgentemente trazer novidades e ressuscitar seu serviço de assinatura. Comparado com o Xbox Game Pass e o Live Gold, da Microsoft, ela está perdendo feio.