Biscoitos (ou bolachas) de Pokémon não param de subir e já passam de 70 MIL REAIS

Pokémon Oreon vendido no eBay vale mais que o Playstation 5 e Xbox Series X|S

Pokemon
Publicidade

Lembra da matéria que falamos a respeito da coleção Pokémon Oreo? Pois bem, nela já falávamos que os biscoitos ou bolachas chegavam a mil dólares entre colecionadores. Mas agora… o negócio virou negócio de verdade, já que pelo visto é melhor colocar o seu dinheiro em Pokémon Oreo do que na bolsa de valores ou criptomoedas, já que seu preço só sobe!

Coleção

A coleção de Pokémon tem sido um dos lançamentos transmídia mais interessantes da série desde seu início com o slogan tenho que pegar todos sendo sinônimo da marca Pokémon. A mais nova parceria dos monstrinos é com a Oreo, sim, aquela das bolachas, biscoitos, seja lá como você chama em seu estado. É algo muito legal que as duas empresas estão produzindo.

São 16 designs exclusivos de Pokémon de chocolate Oreo edição limitada. Segundo o site, da Oreo, “esteja ciente de que alguns Pokémon são mais difíceis de encontrar do que outros”. Existe uma variedade aleatória de designs de Pokémon em cada pacote, e cada um deles você tem uma chance de encontrar todos os 16, incluindo um Pokémon Mítico super raro. Além disso, o recipiente que pode ser fechado novamente com aba fácil de puxar mantém esses cookies de chocolate frescos e é perfeito para lanchar, compartilhar ou viajar durante sua pesquisa.

Continua depois da publicidade

O Real cai e o Oreo sobe

Como descrito acima, existem alguma raridades e elas são vendidas há mais de 600 dólares para cima, chegando em torno de dois mil dólares! Essas cifras só aumentam e se você fizer uma comparação, um Pokémon Oreo está valendo mais do que um Playstation 5 ou um Xbox Series X|S. No site de lances do eBay dá para ver uma listagem de 34 lances para um desses Oreo foi vendido no valor de 13.300 dólares! Isso mesmo. Fazendo o cálculo para o dólar de hoje em nossa moeda, ele está em R$ 72.169,79.

Publicidade
© 2021 Observatório de Games | Powered by Grupo Observatório
Site parceiro UOL
Publicidade