Game Deathloop revela primeiro recurso TENSO do Dual Sense

Publicado em 22/8/2020
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Há muito tempo que as tecnologias tentam emplacar recursos que inovem na maneira de se jogar videogame. Alguns tem até conseguido, como foi o caso dos joysticks de PS3 que possuíam tecnologia de movimento, fazendo com que o jogador pudesse virar o joystick como um volante, por exemplo.

Contudo, essas e outras ideias parecem não ter embalado, fazendo com que esses recursos acabassem caindo em desuso e os jogadores retomando seus costumes tradicionais de manusear comandos. Com a chegada do PS5, as expectativas em torno do que o controle Dual Sense pode fazer em torno disso estão renovadas, e parece que a primeira demonstração de tecnologia inovadora já deu suas caras. E ela é literalmente tensa.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O próximo controlador da Sony terá tecnologia de gatilhos adaptativos e feedback tátil, coisas que fazem, por exemplo, alguns botões terem uma tensão diferente dependendo do que esteja acontecendo no game. Por exemplo, suponha que para armar uma flecha num arco você precise ir apertando o R2 até que ela esteja com tensão máxima na corda do arco. Nessa nova tecnologia, conforme você vai puxando a flecha, o botão vai ficando ‘duro’ de se pressionar até o final.

E um dos primeiros jogos (se não o primeiro) a revelar que usará esse recurso em seus cenários foi a sequência do game Deathloop. De acordo com o diretor do jogo, Dinga Bakaba, isso promete ser tenso. Isso porque quando sua arma emperrar no jogo, o controlador irá bloquear os gatilhos, impedindo você não apenas de puxar o gatilho virtualmente, mas puxar o gatilho no DualSense. Ou seja, o botão travará, aumentando a sensação de que o jogador em uma arma inútil nas mãos naquele momento.

Estou muito animado com os gatilhos adaptativos e o feedback tátil, ambos recursos que vão trazer alguma fisicalidade às experiências de jogo e dar um feedback importante“, disse Bakaba.

Deathloop sendo um jogo de tiro em primeira pessoa, fazemos muitas coisas para fazer as armas parecerem diferentes umas das outras. Uma que eu gosto é bloquear os gatilhos quando sua arma emperra, para dar ao jogador um feedback imediato antes mesmo de a animação terminar , que avisa o jogador de maneira física que ele deve destravar sua arma.

Leia também:

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio