Letrinhas miúdas de contrato podem ter salvo Microsoft de processo movido por jogadores

Publicado em 5/1/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Lembra aquela regrinha de ler contratos inteiros? Pois bem, graças as letrinhas miúdas de um, a Microsoft pode ter se safado de um processo movido por jogadores.

Alguns usuários do Xbox One tiveram alguns probleminhas com o controle do videogame. Porém, ao abrirem um processo contra a Microsoft, o caso não prosseguiu, já que tudo isso vai de contra o acordo de serviços que os jogadores assinaram ao adquirir os controles.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Os demandantes concordaram repetidamente em não abrir um processo como este no tribunal. Em vez disso, eles concordaram com o Contrato de Serviços da Microsoft e com os contratos de garantia nos quais prometeram arbitrar as disputas individualmente, usando um processo amigável ao consumidor perante a American Arbitration Association. A Lei de Arbitragem Federal exige o cumprimento desses acordos ”, afirmou a Microsoft em seu último recurso.

Os players se sentiram lesados com os controles do Xbox não funcionando corretamente, com o analógico movendo os personagens automaticamente. Erro comum quando você utiliza muito o controle.

Os jogadores do Xbox afirmam que a Microsoft está bem ciente disso e ainda se recusa a consertar quaisquer controladores afetados por esse defeito. Agora, ambas as partes aguardam uma decisão definitiva do caso.

Fonte: Logan Moore

Leia também:

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio