Burrou | 5 Streamers que vazaram suas informações pessoais ao vivo

Conheça a história de alguns streamer que vazaram suas informações sem querer e também conscientemente!

Publicado em 2/6/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O streaming é um método atualmente lucrativo, e muito arriscado, de criação de conteúdo. Por um lado, ele remove todos os detalhes da edição, uma vez que é essencialmente uma transmissão ao vivo de uma sessão de jogo. Por outro, ele mostra a vários streamers e fãs a verdade sombria da internet: seus erros estão à mostra para que todos e para sempre. Se você disser algo na transmissão que as pessoas acham ofensivas, você não pode editar. E, se acidentalmente vazar informações pessoais, poderá destruir o meio de vida de outra pessoa ou talvez o seu próprio.

A maioria dos streamers mantém essas informações em segredo bem guardado. Nas raras ocasiões em que vazam algo pessoal, eles podem ter sorte e receber apenas telefonemas simples de fãs que desejam lhes desejar boa sorte. Mas as chances são mais do que boas de que membros descontentes da audiência usem essas informações para propósitos nefastos. É por isso que a maioria dos streamers é muito cuidadosa com seus dados confidenciais. A internet pode ser um local implacável e, como você logo descobrirá, há muitos trolls à espreita. Aqui estão alguns exemplos de streamers que compartilharam acidentalmente coisas que não deveriam.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Pokimane: Cartão de crédito e e-mail

Imane Anys, mais conhecida como Pokimane, faz muito streaming e atualmente até de Hot Tub. Ela pode viver a vida que uma grande maioria de fãs sonha, jogando títulos como Fortnite e League of Legends, mas como todo mundo, sua vida pode virar de cabeça para baixo quando suas informações pessoais vazam, como por exemplo, quando as informações do cartão de crédito dela foram roubadas.

Isto aconteceu quando quando seu cartão de crédito foi acidentalmente capturado em transmissão por outro criador, o Fedmyster. Pokimane se recuperou desse evento desastroso rapidamente graças ao serviço de atendimento ao cliente com cartão de ação rápida. No entanto, este não era o único problema com vazamentos de informações pessoais. Imagine, se quiser, jogar Call of Duty: Warzone pela primeira vez e celebrar a ocasião importante com uma transmissão ao vivo. Antes de começar, no entanto, você se prepara para iniciar com água e mais algumas coisas para comer e quando retorna percebe que o stream estava exibindo seu e-mail pessoal no último minuto para que todos vissem. Pokimane viveu exatamente esse cenário e, embora não seja tão perigoso quanto compartilhar acidentalmente informações de cartão de crédito, é constrangedor.

Loserfruit: Celular

Nem todos os vazamentos pessoais são acidentais. Às vezes, um streamer fornece intencionalmente suas informações de contato apenas para ver o que acontece. Como uma piada, Loserfruit decidiu usar seu número de telefone como seu nome de usuário em Fortnite. Sua ideia poderia facilmente ter saído pela culatra, e a piada teria sido dela. No entanto, Loserfruit teve sorte e teve uma experiência bastante boa.

A maioria das pessoas que ligaram para Loserfruit desejava-lhe sorte, embora parecessem sentir frio na barriga ao falar com a streamer. O número de pessoas que ligou excedeu sua capacidade de resposta, e a maioria foi enviada para o limbo eterno que é o correio de voz. Na verdade, tantos fãs ligaram para Loserfruit que o telefone dela falhou e começou a desligar na cara das pessoas.

Em uma reviravolta surpresa, porém, uma pessoa que ligou para Loserfruit se juntou a ela para uma partida de Fortnite, o que foi realmente uma bênção para ele, já que não tinha um microfone. Se ele não tivesse alcançado Loserfruit, ele não teria sido capaz de se comunicar com o resto da equipe. No geral, Loserfruit se deu bem e ficou lvre de trolls, mas só pessoa ligou para ela para pedir alguns Big Macs! Loserfruit desativou o número de telefone após o stream, para que as pessoas que perderam a chance única de falar com ela nunca mais o tenham.

BadBoyHalo: Cartão de crédito

Cerveja, falta de sono e Minecraft não combinam bem e quase custam seu cartão de crédito. Tarde da noite – ou no início de uma manhã, dependendo da sua perspectiva – Skeppy e seu amigo BadBoyHalo transmitiram um jogo de Minecraft. Eles estavam cansados e bêbados e ninguém estava pensando direito. Uma coisa levou a outra, e a conversa girou em torno de cartões de crédito. BadBoyHalo se gabou de seu novo cartão e Skeppy não acreditou em uma palavra que saiu da boca embriagada de BadBoyHalo. Então, ele enfiou a mão na carteira, tirou o cartão e começou a ler os números, presumindo que ninguém poderia usá-lo, pois não tinha fisicamente o cartão.

Skeppy, sendo o mais lúcido dos dois, impediu BadBoyHalo de recitar mais de três números e implorou que não listasse mais nenhum. Por fim, BadBoyHalo ouviu a razão e parou de tentar dar o número do seu cartão de crédito, embora tenha demorado muito para ser convencido. Afinal, ele estava extremamente bêbado. Pelo lado bom, BadBoyHalo estava tão bêbado que deu alguns números para um cartão expirado. As informações reais de seu cartão de crédito estavam sãs e salvas, apesar de seus esforços para distribuí-las.

Shroud: Arruinou o CS:GO

Ter os dedos mais rápidos pode ganhar partidas de esports de streamers. Embora as reações contrárias de Shroud tenham lhe servido bem em torneios, elas também levaram a um infeliz dia. Durante seus dias na Cloud9, Shroud jogou um amistoso Counter-Strike: Global Offensive. Ele ficou um pouco confiante demais e avançou para a batalha, que o matou sumariamente. No entanto, seus movimentos de mouse e teclado não alcançaram sua morte repentina, e ele acidentalmente minimizou o jogo e exibiu seu IP. Embora ele tenha sido capaz de fechar a aba que mostrava seu IP quase tão rapidamente quanto ele morreu, o dano já havia sido feito.

Pouco depois de Shroud reentrar na partida, o jogo começou a falhar e a falhar. O servidor CS: GO foi ficando cada vez mais lento, até que finalmente levantou as mãos em derrota e saiu para almoçar. Todos, incluindo Shroud, correram o mais rápido que podiam, mas não chegaram a lugar nenhum, literalmente. Os atacantes do time rival venceram. Shroud e seus companheiros de equipe ficaram frustrados, mas ainda assim conseguiram rir do evento e se divertir.

TisParker: Histórico de navegação

Um dos maiores argumentos de venda de uma VPN é o anonimato. Ninguém quer que suas informações pessoais e histórico de navegação vazem ou sejam vendidos para quem der o lance mais alto, então muitas pessoas gastam dinheiro para se proteger online. Essa ideia é muito boa, mas só funciona quando você não é um streamer que mostra o histórico do seu navegador aos visualizadores – mesmo quando não é essa a sua intenção.

Parker “TisParker” Edwards não começou o novo ano com o pé direito. Durante uma transmissão do Twitch em 19 de janeiro de 2020, ele fez uma pausa rápida para limpar os óculos e pegar uma bebida. No entanto, TisParker não percebeu que havia acidentalmente deixado seu histórico de pesquisa do navegador aberto para seu público. A maioria de suas pesquisas anteriores foram benignas, como “pintura acrílica sobre vidro” e “phineas e ferb” – mas havia a pesquisa principal: “você pode colocar s * x no carro sem infringir a lei”.

Felizmente, TisParker percebeu rapidamente seu erro quando os espectadores enviaram mensagens como “Histórico de pesquisa, Parker” e ele riu disso. Essa gafe estava muito longe de vazar acidentalmente seu cartão de crédito ou números de previdência social, mas quanto menos o público souber sobre os sonhos potencialmente ilegais relacionados a carros de um streamer, melhor.

Via: Looper/Dexerto/Twitch

Siga em nossas redes

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio